CEARA CE-Especialista dá dicas para evitar cair no golpe do falso pacote de turismo


Diante do golpe do pacote de viagens aplicado contra pelo menos 180 pessoas que buscaram uma agência de viagens no Bairro Parangaba, em Fortaleza e que acabou com o dono do estabelecimento preso é preciso ficar atento a preços muito atrativos e se certificar de que realmente está comprando de uma empresa.

De acordo com o especialista em turismo Osmar Machado, o primeiro passo é na hora da escolha o viajante se certificar se o local de fato existe além de se atentar para as datas.

“Escolher o melhor local para se hospedar, pousadas, albergues, flats, hotéis, é sem dúvida, importante na compra de seu pacote de viagens. Tenha certeza que seu local de hospedagem realmente existe, certificando-se que a data está correta”, afirma.

Confira outras dicas

 

  • Como ter certeza de que o meu pagamento está sendo realmente direcionado para aquela agência de viagem?

 

Sempre que você tiver dúvida, ao contratar uma empresa prestadora de serviços turísticos, verifique a autenticidade da mesma, consultando o CNPJ e site da companhia ou prestadora. Ao fazer uma reserva de voo com a companhia aérea ou empresa fornecedora de serviços de viagem, você receberá um e-mail de confirmação. Verifique sempre todas as suas pastas, além da caixa de entrada. No caso de não ter recebido esse e-mail, faça contato com a sua linha aérea ou agência o mais breve possível. Verifique sempre todas as suas pastas, além da caixa de entrada.

  • Caso a compra do pacote seja feita inteiramente pela internet quais são os cuidados necessários?

 

Nos dias de hoje, praticamente 85% de nossas compras são feitas pela internet, por isso devemos ter alguns cuidados. Nunca faça comprar a partir de e-mails não solicitados (spam), dê preferência para empresas que são conhecidas e diretamente no site. Verificar o CNPJ da prestadora, é importantíssimo na hora da compra.

  • É seguro fechar pacotes de viagens via agências de turismo ou é preferível fechar direto com a empresa (seja aéreo ou terrestre)?

 

Sim, totalmente seguro, quando são de fontes confiáveis. Tomar alguns cuidados para que não seja golpe, é indispensável. Nos dias atuais, é de grande agilidade e, econômico comprar via internet.

  • O que fazer em caso de golpe. Como reaver os valores pagos após o dono da agência sumir ou a agência fechar as portas?

 

Na maior parte dos casos, o contato é feito por mensagens via email ou sites não confiáveis, por um suposto representante de uma agência de viagens, loja ou outro estabelecimento. O criminoso então explica como o “serviço” funciona e conquista a vítima, convencendo-a de que ela estaria adquirindo algo muito econômico.

Primeiro passo a se tomar, é registrar um boletim de ocorrência mais próximo da sua região, será sem dúvida uma prova para receber seu valor junto ao banco responsável pela transferência. Em alguns dos casos o banco não se responsabiliza por transações feitas com sua conscientização, porem em muitos casos, você consegue reaver seus valores mediante comprovação do golpe.

  • De que práticas o consumidor pode desconfiar na hora que estiver negociando o pacote de viagem?

 

Desconfie de pacotes muito baratos, esse sem dúvida é o primeiro indício de que você pode estar sendo vítima de um golpe.

  • Quais são os direitos de quem compra pacotes de turismo?

 

Caso haja cancelamento da viagem por não ter atingido o número mínimo do grupo, a operadora deve devolver todo o valor já pago ou oferecer um crédito para futuras viagens. Você pode escolher o que for melhor para você, afinal foi a operadora que cancelou o contrato. Caso você desista da viagem por qualquer motivo, você não tem direito a todo o dinheiro de volta. Você terá somente uma quantia já pré estabelecida para devolução de acordo com o valor total da viagem.

Caso haja desistência, quando mais próximo da viagem, menor será reembolso por parte da agência. Por isso planeje com cuidado para evitar uma desistência.

Tudo que está escrito no contrato deve ser respeitado. Então, caso tenha tido qualquer distorção na hospedagem, locomoção ou passeio, você deve entrar em contato com a agência e exigir seus direitos.

  • O seguro viagem é obrigatório? Como usufruir dele?

 

O seguro viagem é um item de segurança que pode ou não ser exigido pelos países para permitir a entrada de turistas estrangeiros. Alguns países exigem a contratação do seguro, enquanto outros não obrigam a sua contratação para entrar em seu território.

O seguro viagem é um item de extrema importância, principalmente nas viagens internacionais. Isso porque o seguro protege o viajante em diversas situações, como perda de bagagem, cancelamento de viagem e, principalmente, em casos de acidentes pessoais e internações hospitalares.

Veja mais notícias do Ceará no g1 em 1 Minuto

50 vídeosConfira as notícias desta sexta-feira no g1 em 1 minuto - 3ª ediçãoConfira as notícias desta sexta-feira no g1 em 1 minuto - 2ª ediçãoConfira as notícias desta sexta-feira no g1 em 1 minuto - 1ª edição
Rate this post



Comentários com Facebook




Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.