NATAL RN-Hora de definição no Alvinegro


171868Está chegando a hora de uma decisão importante para família abecedista. Amanhã um universo de 1.801 associados do clube, concessionários de cadeiras cativas e camarotes vai votar para definição do nome do novo presidente do clube para o triênio 2016-2018. Fabiano Teixeira da chapa União Abecedista, Judas Tadeu (Salve o Mais Querido) e José Adécio. da chapa Campanha de Proposição, estão concorrendo ao cargo máximo do clube.

Adriano AbreuOs torcedores do ABC com direito a voto, terão de 10h às 18h para comparecer às urnas do FrasqueirãoOs torcedores do ABC com direito a voto, terão de 10h às 18h para comparecer às urnas do Frasqueirão


A junta eleitoral decidiu manter o horário de votação das 10h às 18h, todas as quatro sessões com urnas eletrônicas serão implantadas no estádio Frasqueirão. Onde, antes de ser liberado para votação, o associado  terá de se dirigir aos mesários e  comprovar sua situação de adimplente com suas obrigações.

Com a definição do horário, a comissão negou solicitação da chapa Salve o Mais Querido para prorrogar o período de votação até as 20 horas. O candidato Judas Tadeu entendia que por ser um dia normal de trabalho, daria uma folga maior ao eleitor para comparecer ao local de votação. Porém a junta optou por obedecer o mesmo critério adotado na eleição passada, que reconduziu Rubens Guilherme ao mandato que está se acabando amanhã.

“Com essa eleição caindo numa segunda-feira, dia em que muitos dos nossos eleitores estarão trabalhando no período da manhã e da tarde, acredito que seria justo estender o horário para votação até as 20 horas. Não vejo como isso possa prejudicaria algumas das chapas, ao contrário, acredito que seria uma medida benéfica”, ponderou o conselheiro Leonardo Arruda, autor da solicitação.

Ricardo Furtado, representante da chapa União Alvinegra, também havia se mostrado favorável a prorrogação do horário.

A chapa que visa reconduzir Judas Tadeu à presidência alvinegra, realizou a inscrição de 206 nomes para o conselho, mesmo número da chapa que apoia o candidato Fabiano Teixeira. Já o candidato José Adécio enviou uma relação com apenas 56 nomes.

No sistema eleitoral do clube, o associado fará a votação na chapa para o conselho (Salve o Mais Querido, União Abecedista e Chapa de Proposição) e por se tratar de uma eleição proporcional, a ocupação das cadeiras do novo conselho deliberativo será feita de forma proporcional a votação de cada chapa, quem tiver mais votos ocupará mais cadeiras. Esse novo conselho é quem vai definir o nome do presidente, logo após os membros serem empossados.

Segundo Norivaldo Souto, um dos membros da junta eleitoral, para ter representação no novo conselho, as chapas dos candidatos terá de obter pelo menos 10% dos votos (180 votos).

O processo da proporcionalidade foi estabelecido no estatuto alvinegro para obrigar o conselho a ter representantes das minorias. A chapa que tiver mais votos vai ocupar as vagas de acordo com a ordem de apresentação da sua lista de conselheiros a comissão eleitoral, seguindo em ordem crescente.

Fabiano Teixeira

Com discurso conciliador e demonstrando interesse de discutir apenas problemas pertinentes a boa administração do clube, Fabiano Teixeira lançou candidatura à presidência do Alvinegro prometendo não apenas ser um nome novo para o cargo, mais com a promessa de montar uma nova forma de administrar o clube. Sua principal intenção é mergulhar nas questões que fizeram o clube permanecer apenas cinco anos na série B. Identificar os defeitos e corrigir, tomando como parâmetro tudo aquilo que ocorreu de correto nas  três últimas gestões alvinegras.

Como sinal de independência, o candidato já garantiu que se eleito, promoverá os retornos de Ferdinando Teixeira e o médico Roberto Vital ao ABC, que deixaram a agremiação na atual gestão.

Ele destaca que tem vontade de ser presidente do clube pelo desafio, o torcedor apaixonado que toda vida foi e o sonho também de poder colocar a casa em ordem.

José Adécio

Sempre fazendo questão de deixar claro que não tem inimigos dentro do ABC e que se contrapõe apenas as gestões que não considera construtivas para o clube, nunca as pessoas, o conselheiro José Adécio depois de 32 anos de vida pública ocupando cargos políticos resolveu que chegou a hora de dar um salto na sua condição no interior do alvinegro.

Em meio ao tiroteio de acusações entre situação e oposição, ele colocou seu nome como a candidatura de proposição e faz isso esperando continuar com bom trânsito dentro dos dois ambientes. A ideia é realizar uma mudança profunda no futebol do clube, apostando mais nas pratas da casa e realizando contratações pontuais, para não estourar o orçamento proposto de R$ 300 mil previsto para atividade.

Duas pautas bombas do seu projeto administração são: o fim do pagamento do bicho por vitória aos atletas e promover o distrato com a Arena das Dunas, para que o clube passe a atuar apenas no Frasqueirão.

Com opinião de que o ABC precisa de um presidente de pulso firme, José Adécio ressaltou que a candidatura surgiu para combater a dicotomia entre situação e oposição. “Apenas na administração Judas Tadeu fiz uma oposição pontual e acabei me desentendendo, tendo de falar no conselho por força de liminar. Rubens Guilherme, para mim é um rapaz de bem, qualificado e honesto. Porém, na minha visão sem punho para administrar uma entidade como o ABC, pode ser um grande administrador dos próprios negócios, pois no clube deixou as coisas muito soltas”.

Judas Tadeu

Depois de oito anos ausente do comando diretivo do ABC, Judas Tadeu deixa claro a intenção de voltar a dar as cartas no alvinegro. Ele disse que as reuniões em busca de um nome de consenso esbarram no veto que a chapa da situação fazia ao seu nome e por isso não houve acordo.

Uma das principais críticas a atual gestão feitas pelo ex-presidente são com relação a dívida trabalhista e a falta de resultados no futebol. No futebol são quatro anos sem resultados expressivos e nós não estamos acompanhando a situação financeira dessa equipe de perto. Com o rebaixamento perdemos  70% das receitas. Então pelo que se acompanha e com uma dívida trabalhista altíssima, certamente iremos encontrar um ABC pior do que entregamos.



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: levanyjunior@blogdolevanyjunior.com

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *