Polícia Federal informa que 56 chilenos que invadiram o Maracanã já deixaram o Brasil


chilenos presos

A Polícia Federal (PF) informou ontem (22) que dos 85 chilenos presos na quarta-feira (18), depois de invasão ao Centro de Mídia do Maracanã e até ao gramado do estádio, 56 já deixaram o Brasil. A PF disse ainda que um boliviano envolvido no caso também saiu do país. Os demais envolvidos poderão ser deportados. O prazo  para que os envolvidos no episódio saíssem do território brasileiro terminou à meia-noite de sábado (21).

A PF nada adiantou sobre os 29 chilenos que participaram da invasão e continuam no país.

Depois da invasão, todos foram detidos antes do início da partida entre Espanha e Chile, e permaneceram no estádio até serem levados para a Cidade da Polícia, no Jacaré, zona norte do Rio de Janeiro. De acordo com a Polícia Civil, o grupo foi autuado pelo Artigo 41-B do Estatuto do Torcedor, que considera crime “promover tumulto, praticar ou incitar a violência, ou invadir local restrito aos competidores em eventos esportivo”.

Rate this post



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: [email protected]

Comentários com Facebook




Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.