SÃO GONÇALO DO AMARANTE RN-Transição da Câmara de São Gonçalo pode terminar em transação


Transição da Câmara de São Gonçalo pode terminar em transação

??????????

Transição da Câmara de São Gonçalo pode terminar em transação

Quem sempre engoliu em seco os bolos administrativos de Mendes foi o pastor Edmilson Gomes (MDB)

Nunca se comandou tanto, tão equivocado e se tomou decisões erradas quanto na gestão do presidente da Câmara de Vereadores de São Gonçalo do Amarante, RN, Raimundo Mendes Alves (PMB). Por isso, com todas as vênias, Seu presidente, recontratar um funcionário comissionado para ordenar e dirigir os trabalhos da Comissão de Transição e, ao mesmo tempo, servir ao seu partido vai de encontro à lei, por conseguinte, a transição pode descambar-se para uma transação.

Aliás, esse tipo de transgressão dos direitos trabalhistas de alguns servidores comissionados do gabinete da presidência e da estrutura não é nenhuma novidade do atual gestor. Sou confidente, isto é, um amigo a quem se confiam segredos e revelam-se intimidades de alguns colegas.

Pois bem, depois não digam que não avisei. O fato da comissão de transição ter sido formado e a não publicarem o edital, chamou minha atenção. Ao tentar inteirar-me do ocorrido, fui informado que um determinado membro da comissão se encontrava em um escritório trabalhando para dar entrada no TRE da papelada do PMB, pois o prazo estabelecido pela Lei Eleitoral estava no limite.

É importante lembrar que a transição de uma Câmara Municipal passa por longe das obrigações determinadas por lei em relação à de uma prefeitura. O gestor atual não está obrigado a trocar informações com a equipe do presidente eleito. Fez o relatório e publicou, a lei foi cumprida.

Portanto, quem afirma que nunca se comandou tanto, tão equivocado e se tomou decisões erradas na gestão do presidente Mendes são os próprios colegas. “Geraldo foi muito melhor para a gestão e para os vereadores, esse daí nunca mais”, cansei de ouvir esse refrão.

As pechas de deselegante, de ingrato e de intransigente Raimundo Mendes Alves vai carregar na testa pelos restos dos seus dias. Na Casa dos bons Homens, suas vítimas maiores foram os companheiros Nino (MDB), Clóvis Junior (PMB) e Chanxe Dantas (PRB). Na política partidária, foi o ex-prefeito Jaime Calado e na eleitoral, o prefeito Paulinho Emídio. Além dessas, a profissão de advogado também foi manchada, segundo alguns colegas do direito, foi acusado da prática de incompatibilidade de exercício da profissão.

SÃO GONÇALO DO AMARANTE RN-Transição da Câmara de São Gonçalo pode terminar em transação
Avalie esta postagem



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *