SÃO GONÇALO DO AMARANTE RN-Sinte/RN anuncia que os professores não retornarão às aulas presenciais


 

Os professores da rede estadual de ensino não vão cumprir o calendário de retomada das aulas presenciais definido pela Secretaria de Educação do Rio Grande do Norte. Também não devem seguir a decisão da Justiça que determinou o retorno das atividades em sala de aula a partir de segunda-feira, 19.

A posição da categoria foi aprovada em reunião remota nesta sexta-feira (17), organizada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação (SINTE/RN). Segundo a entidade, cerca de 500 pessoas participaram da reunião e 91% decidiram que só retornarão às atividades presenciais após a segunda dose de vacina contra a Covid-19.

A coordenadora-geral do Sinte/RN, sindicalista Fátima Cardoso, informa que a categoria exige que todos os professores estejam totalmente vacinados e só então os discentes retomarão as atividades presenciais.

“Há perigo para os profissionais de educação. Serão mais de 1 milhão de pessoas retornando às salas de aulas. Isso é um perigo”, disse a sindicalista.

A Secretaria de Educação do Estado mantém o planejamento anunciado há poucos dias. Segundo o cronograma, as escolas da rede pública devem voltar às atividades presenciais na próxima segunda-feira, 19. No primeiro momento, com acolhimento de professores e pais, para planejamento da retomada, para depois, no dia 26, os alunos retornarem às salas de aula.

Segundo o secretário de Educação, Getúlio Marques, na primeira semana (de 19 a 23), as escolas deverão se organizar e conversar com os pais para saber quais alunos voltarão ao ensino presencial. Segundo o secretário, os responsáveis que não quiserem enviar seus filhos por temerem contaminação pela Covid terão a decisão respeitada.

O período também será utilizado para que os professores estudem as metodologias que serão aplicadas e as instituições preparem a merenda escolar de acordo com a quantidade de alunos, por exemplo.

As aulas deverão ser retomadas com um terço dos alunos nas aulas presenciais. No caso de uma turma com 30 estudantes, por exemplo, as escolas poderão se organizar para que um grupo de 10 alunos tenha aula presencial a cada semana.

 

Tags:

 

Rio Grande do Norte

 

ensino público



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.