SÃO GONÇALO DO AMARANTE RN-Clientes pré-pago de 17 estados, incluindo o RN, devem fazer recadastramento até dia 18


Clientes pré-pago de 17 estados, incluindo o RN, devem fazer recadastramento até dia 18

As pessoas com linha pré-paga em 17 estados têm até o dia 18 de novembro para fazerem um recadastramento e atualizarem seus dados, sob risco de ficarem com o serviço bloqueado. A medida faz parte do projeto da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para a criação do cadastro nacional de usuários dos serviço de telefonia celular pré-paga.

A exigência vale para os moradores de cidades dos seguintes estados: Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Pará, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Roraima, Sergipe e São Paulo. Esta é a terceira e última fase do recadastramento, que iniciou em 2 de setembro.

Antes dela, residentes das demais Unidades da Federação também entraram na obrigação do recadastramento. O processo ocorreu até o dia 15 de outubro nos seguintes estados: Acre, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rondônia, Tocantins e Santa Catarina.

Os usuários de pacotes pré-pagos serão acionados pelas operadoras por canais como mensagem de texto, ligações ou pop ups em sites. O procedimento é aplicado apenas aos usuários com pendências cadastrais. As operadoras também disponibilizaram canais de atendimento para fornecer mais informações sobre o recadastramento, como páginas específicas nos sites e números, conforme dados da Anatel.

Após a conclusão do recadastramento, as informações serão reunidas em um site, a ser disponibilizado em janeiro do ano que vem pela Anatel. Os cidadãos poderão consultar as linhas ativas a partir do seu registro no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) para identificar se aquelas listadas estão corretas. Segundo a Agência, assim será possível identificar eventuais fraudes.

Números das operadoras

Claro: 1052
Tim: *144
Vivo: *8486
Oi: *144
Algar: 1055
Sercomtel: 1051

Agência Brasil

CommentsCOMENTE AQUI

Gestão Bolsonaro foi positiva nos 10 primeiros meses, apesar de ruídos, avalia presidente do Bradesco

O presidente do Bradesco, Octavio de Lazari, avaliou como positiva a gestão do presidente Jair Bolsonaro nesses dez primeiros meses a despeito de ruídos. Apoiado nos avanços da pauta econômica e liberal do atual governo, o executivo defendeu a construção de uma agenda pró-Brasil.

“Temos boas notícias. Nunca vivemos juros baixos como hoje… O empresariado e lideranças têm de trabalhar na construção de uma agenda pró-Brasil, que tem de ser construída independente de ruído aqui ou ali”, avaliou o presidente do Bradesco, em entrevista à rádio CBN.

Questionado sobre a postura do presidente Bolsonaro, Lazari disse que não há “temor” e que, como em todo governo, há uma curva de aprendizado.

Sobre a reforma tributária, o executivo disse que o caminho ideal para o Brasil é, primeiro, uma simplificação e, posteriormente, uma reforma mais ampla. Destacou ainda que a reforma da Previdência foi aprovada ainda que não tenha evoluído na velocidade esperada. “Esperávamos a reforma da Previdência há muitos e muitos anos”, lembrou.

Além disso, novas agendas de negócios, conforme ele, estão andando. Uma delas mencionada pelo presidente do Bradesco são novas medidas de estímulo ao microcrédito, que serão anunciadas nesta quinta-feira. Sobre a possibilidade de a Câmara e o Senado aprovarem o pacote econômico que inclui medidas, por exemplo, relacionadas ao setor de saúde e educação, o executivo afirmou que ambas as casas têm capacidade decidir para o bem da população brasileira.



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.