MOSSORÓ RN-OAB de Mossoró emite nota de esclarecimento sobre os supostos advogados detidos pela Polícia Civil


b1863c83b76ae663deeb76df6542f482

Por Alcivan Vilar – Fim da Linha

Os dois homens que foram presos ontem (4) pela Polícia Civil, em Mossoró, não fazem parte dos quadros da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A Subseção de Mossoró da OAB vai acompanhar o desenvolvimento das investigações e de uma possível ação penal, auxiliando no que for preciso para evitar que pessoas sem a devida habilitação exerçam ilegalmente a advocacia, profissão de extrema importância em uma democracia, considerada como essencial à própria justiça. A OAB atua tanto no combate ao exercício ilegal quanto às práticas ilícitas/antiéticas dos seus membros. O escritório que a dupla presa na tarde de ontem diz representar é o Multilex – Consultoria Jurídica e Trânsito Reabilitação de Crédito, que já vinha sendo acompanhado pela OAB/Mossoró por cometimento de irregularidades. No início desta semana, a Subseção de Mossoró, por meio do seu presidente, Aldo Fernandes de Sousa Neto, emitiu uma Nota de Repúdio contra propaganda ilícita que vinha sendo veiculada em blogs e sites de Mossoró e região pelo referido escritório de advocacia. Esse tipo de publicidade é proibida pelo Código de Ética e Disciplina da Advocacia. O presidente da OAB/Mossoró aproveita para destacar o trabalho que vem sendo desenvolvido pela instituição, apurando eventuais irregularidades que venham a ser cometidas pelos seus membros, no exercício da profissão, e também para agradecer à Polícia Civil do Estado do RN pelo empenho nas investigações que resultaram na prisão dos suspeitos. A OAB também repudia casos de pessoas não habilitadas que exercem ilegalmente a advocacia, que incorrem no art. 47 da Lei das Contravenções Penais, com pena mínima de 15 dias e máxima de até três meses.

Postado por José Nilson e Caio César



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: [email protected]

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.