MACAU RN-Os riscos da Petrobras nos EUA, por André Araújo


petro_processo_nos_eua

Por André Araújo

O grupo de jornalistas que cobre o tema “petrolão” tende a magnificar as penalizações que cairão sobre a Petrobras nos Estados Unidos. É verdade que o processo do Departamento de Justiça e da SEC vem sendo alimentado a partir do Brasil numa operação que parece inverossímel porque o Brasil está fornecendo provas contra a Petrobras, que é do Brasil, para que essa seja multada nos EUA, multa essa que será paga por todos os brasileiros direta ou indiretamente, equivale a uma auto mutilação, alguém cortar a própria mão para se sentir punido.

Na verdade a Petrobras já foi processada antes da Lava Jato pela mesma lei FCPA, a lei anti corrupção no exterior dos EUA. O processo está no link abaixo. Tratou-se de um caso de uma companhia americana de válvulas que pagou propina para várias companhias de petróleo pelo mundo, entre as quais a Petrobras, outras petroleiras importantes também foram processadas, como a Petronas, da Malásia, e outras da China, Coreia e Emirados Arábes.
Na realidade o processo foi contra o executivo da California Valve Company que pagou a propina, as outras empresas entraram no processo por tabela.
O risco da Petrobras nessas ações nos EUA são grandes mas podem ser enfrentados. Não sei qual a estratégia da Petrobras, mas não estou vendo uma articulação Governo, através da AGU e Itamaraty mais os advogados que a Petrobras deve ter contratado para essas ações, visando coordenar uma estratégia de defesa.
Os EUA respeitam muito quem traz benefícios aos EUA como cliente de companhias americanas, caso da Petrobras, que é grande compradora de gasolina nos EUA, boa parte de nossa gasolina é americana, de equipamentos e brocas de perfuração, compressores, turbinas, pesquisa geofísica, isso tem que ser demonstrado e ajuda muito, mas estão fazendo esse esforço?
O Itamaraty precisa trabalhar também junto ao DofJ, Departamento de Estado e Casa Branca. Lobby é tudo nos EUA, é livre e esperado,  aliás essa prática já está chegando ao Brasil, o TCU fez palanque da decisão de hoje, um assunto técnico foi resolvido politicamente pela campanha de Nardes fora do Tribunal e incontáveis entrevistas, declarações,  “”criando um clima” para forçar a decisão, um lobby de ataque ao réu.
Na relação de escritórios de advocacia  contratados pela Petrobras,  onde a estatal gastará R$386 milhões em honorários, não vi os escritórios que vão atuar junto ao Departamento de Justiça e à SEC, só tem escritórios que farão a investigação interna na Petrobras, será que os escritórios de litigância não foram ainda contratados? Não posso acreditar. O processo está correndo solto no DofJ e na SEC? Não posso acreditar. Era para já estarem atuando pesado, aqui o advogado vai à delegacia assistir o acusado antes de começar o inquérito, quanto antes atuar melhor porque aqui como lá, processos ganham uma dinâmica propria que ninguém para mais depois de adiantados.
Não vejo nenhuma estratégia além de fazer investigação interna, na qual vão gastar uma fábula, valor que me parece exagerado, quase 400 milhões de Reais, só para investigar dentro da companhia. E as defesas, quem está fazendo?
Pelo vulto da coisa a AGU deveria assumir ou pelo menos assistir a Petrobras nesses processos, afinal os Procuradores americanos estão a todo vapor com apoio aqui no Brasil e a acusada está dentro do DofJ acompanhando?
Neste momento a Petrobras deveria ter um mega Diretor Juridico com experiência internacional, mesmo com bons escritórios, a estratégia tem que ser da cúpula da companhia e quem deve responder por isso é um diretor, o escritório apenas executa o que o cliente traça como plano de defesa. Minha impressão e posso estar errado, é que estão na base de processos no Brasil, deixa correr e depois entramos no prazo. Nos EUA definitivamente NÃO É ASSIM.
Select rating
Nota 1
Nota 2
Nota 3
Nota 4
Nota 5



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: [email protected]

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.