MACAU RN- ” Balanços oficiais da PM de Macau chama atenção pela divida acumulada de R$ 26 milhões de reais”, destaca vereador Kekel


” Balanços oficiais da PM de Macau chama atenção pela divida acumulada de R$ 26 milhões de reais”, destaca vereador Kekel

O vereador Kekel é um contumaz questionador da situação administrativa de prefeitura de Macau e baseado nesse seu comportamento de fiscalizador da coisa pública, recebo do edil informações de balanço da situação financeira do município nos últimos três anos.

O demonstrativo preocupa por se tratar de Balanços oficiais enviados a Câmara Municipal de Macau e relatórios emitidos no Diário Oficial do município.

Portanto

Segue abaixo o extrato dos balanços de 2017, 2018 e 2019, com o montante das receitas e os cálculos das despesas entre liquidadas e pagas, a diferença gera o acúmulo da conta que essa gestão vai deixar para os próximos anos.

 

2017

Receita  – 72.731.655,87

Despesa liq. – 75.354.382,07

Despesa paga – 71.254.859,51

Saldo negativo  = 4.099.422,57

 

2018

Receita – 99.320.217,30

Despesa liq. – 93.254.080,99

Despesa paga – 82.671.209,07

Saldo negativo  = 10.582.871,92

 

2019

Receita – 98.708.422,71

Despesa liq. – 95.535.305,57

Despesa paga – 83.861.668,38

Saldo negativo   = 11.491.637,19

Ou seja

Somando os 3(três) anos temos um acúmulo de dívida CONTABILIZADA de R$ 26.174.031,68 (vinte e seis milhões cento e setenta e quatro mil trinta e um reais e sessenta e oito centavos).

O detalhe

De 01/01/2017 até 31/12/2019 a gestão TLemos arrecadou R$ 270.760.295,88 (duzentos e setenta milhões setecentos e sessenta mil duzentos e noventa e cinco reais e oitenta e oito centavos), gastou tudo em “despesas”, e ainda mesmo assim deve mais de 26 milhões – credores.

Por fim

De acordo com as informações recebidas pelo vereador Kekel, do Cidadania, ” essa dívida é a CONTABILIZADA. Sem somar a dívida ainda não contabilizada. Pois só teremos como saber bem lá na frente, acredito que dará quase o mesmo valor”.

WhatsAppFacebookTwitterEmailCompartilhar

Comentários | Deixe seu comentário. 



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.