Guamaré (RN): turbulência política por lá


Parece ser oficial!

O prefeito de Guamaré (RN), Adriano Diógenes, rompeu administrativamente com seu criador e ex-prefeito Hélio de Mundinho. Os dois não aparecem mais juntos nem em fotografia.

Eu sou a favor. Resiliência, gratidão e lealdade deve existir num grupo político. Adriano demostra ser inteligente e faz uma boa gestão pelo que se comenta na cidade. Logicamente que merece disputar à reeleição. Por outro lado, há quem diga: quem seria Adriano nas urnas sem Hélio de Mundinho? O tempo vai dizer. A oposição assiste tudo de camarote. Hélio quer a prefeitura de volta em 2020. Adriano se nega a entregar.



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.