FOTOS IMAGENS-Um ano depois, escola em Mossoró é novamente invadida por ladrão armado


 


00:00/00:00

Erro ao carregar o recurso de vídeo.

Ocorreu um problema ao tentar carregar o vídeo. Atualize a sua página para tentar novamente.

Acesso gratuito

Faça seu login grátis e tenha acesso ilimitado às exclusividades G1

Um ano depois, escola de Mossoró é novamente invadida por ladrão armado; veja vídeo

Um ano depois, escola de Mossoró é novamente invadida por ladrão armado; veja vídeo

A Escola Estadual Aida Ramalho Cortez Pereira, em Mossoró, cidade da região Oeste potiguar, foi novamente alvo da ação de criminosos. Na manhã desta quinta-feira (21), exatamente um ano depois de um bandido armado percorrer os corredores do colégio ‘à caça’ de estudantes para roubar, o colégio foi mais uma vez invadido por um homem armado.

Bandido entra na escola com uma arma de fogo em punho — Foto: Escola Estadual Aida Ramalho/CedidaBandido entra na escola com uma arma de fogo em punho — Foto: Escola Estadual Aida Ramalho/Cedida

Bandido entra na escola com uma arma de fogo em punho — Foto: Escola Estadual Aida Ramalho/Cedida

No vídeo acima, as primeiras imagens que aparecem são da manhã desta quinta-feira (21). Foram gravadas minutos antes das 7h. Nelas, é possível ver quando um estudante vai até o portão da escola, sai, e logo em seguida retorna correndo e consegue escapar. Atrás dele vem o bandido, que já entra no colégio com uma arma de fogo em punho. Ele desiste de perseguir o aluno que correu, mas se volta para um segundo estudante que está perto do portão sobre uma motocicleta e o aborda. Prontamente, o aluno entrega o aparelho celular, mas o ladrão rejeita o aparelho. Depois, o bandido vai embora. Do lado de fora, havia um outro assaltante, que o ajudou a fugir.

Na sequência do vídeo, são exibidas as imagens gravadas um ano antes, no dia 21 de março de 2018, quando um criminoso, também armado, entra na escola. Às 7h30 ele parte em busca de estudantes e faz um arrastão. Houve correira e alguns alunos chegaram a cair no chão. O ladrão levou 12 celulares, duas alianças de funcionários e um relógio.

Segundo a direção da escola, o vigilante fica no portão de 7h às 14h, que é quando outro vigilante chega para a troca de turno e fica das 14h às 17h20. Antes e depois deste período, a segurança fica por conta de serpentinas, cercas elétricas e de 16 câmeras de monitoramento. A escola possui aproximadamente 200 alunos.

A Polícia Militar disse ao G1 que vai reforçar o patrulhamento no entorno da escoa e que, com a ajuda das imagens, vai tentar localizar e prender o assaltante.

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

MAIS DO G1



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.