A PALAVRA DO DIA-Tenha cuidado com a fé do seu irmão


Tenho visto muitos irmãos e irmãs de todo tipo de denominação com atitudes que as vezes me causam estranheza. Não sou daqueles crentes que se escandalizam com qualquer coisa. Sendo um jovem, tenho uma visão muito ampla sobre a liberdade que Deus nos concede. Porém, acredito que certas coisas deveriam ser levadas com mais consideração por todos. Por amor aos outros e em respeito a fé das pessoas a nossa volta.

“Apenas Deus pode me julgar”

De fato, a ninguém cabe a tarefa de julgar qualquer pessoa, por qualquer que seja o motivo. Mas será mesmo que tudo é julgamento?

A todo momento vejo cristãos que evitam exortar a outros por medo de serem vistos como julgadores. Isso dificulta muito a vida dos líderes e a expansão do Reino. Já que muitos erros acabam não sendo tratados e ficam escondidos. Além de vistos como coisas “normais” por muitos.

É o caso de cristãos que não acham que a decência e a moral cristã tem tanto valor na sociedade que vivemos hoje. Então vemos homens e mulheres que se dizem ser patrimônio do Senhor frequentando festas repletas de músicas de baixo calão. Falando montoeiras de palavrões. Se embriagando. Postando fotos carregadas de sensualidade entre outras coisas dispensáveis.

Como disse, não cabe a mim julgar. Mas minha intenção com esse texto é esclarecer sobre o quanto nossas ações podem causar efeitos negativos na fé de outras pessoas.

Mantenha sua consciência limpa

A Bíblia cita em diversas passagens sobre a importância de estarmos com a consciência limpa. O único modo, no caso, é através de Jesus Cristo. Afinal, mesmo alguém que não conhece as leis de Deus, pelo Espírito Santo, consegue purificar sua consciência.

Hb 10:22 “Entremos com coração sincero e plena confiança, pois nossa consciência culpada foi purificada, e nosso corpo, lavado com água pura”.

Rm 2:15 “…a lei está gravada em seu coração, pois sua consciência e seus pensamentos os acusam ou lhes dizem que estão agindo corretamente”.

O maior problema no entanto é quando, por falta de exortação, a mente da pessoa que está agindo de forma não condizente com uma moral cristã, acaba sendo cauterizada de uma forma que ela não é mais capaz de distinguir o bem e o mal com facilidade. Até que esta nega qualquer repreensão posterior.

De qualquer forma, devemos lembrar que nossas atitudes podem levar alguém de consciência mais fraca a tropeçar, e isso é extremamente grave!

1Co 8:9 “Contudo, tenham cuidado para que o exercício da liberdade de vocês não se torne uma pedra de tropeço para os fracos. (…). (11) Assim, esse irmão fraco, por quem Cristo morreu, é destruído por causa do conhecimento que você tem. (12) Quando você peca contra seus irmãos dessa maneira, ferindo a consciência fraca deles, peca contra Cristo“.

A exortação é importante

Gl 6:1 “Irmãos, se alguém for surpreendido em algum pecado, vocês, que são espirituais deverão restaurá-lo com mansidão. Cuide-se, porém, cada um para que também não seja tentado. (2) Levem os fardos pesados uns dos outros e, assim, cumpram a lei de Cristo”.

Jd 22 “Tenham compaixão daqueles que duvidam; (23) a outros, salvem-nos, arrebatando-os do fogo; a outros ainda, mostrem misericórdia com temor, odiando até a roupa contaminada pela carne.

É óbvio, de nada adianta um irmão corrigir um outro quando não se tem autoridade para tal. E a autoridade que quero dizer é referente a ser alguém que não tem problemas na mesma questão que está tentando corrigir no outro. Nessa hora, temos de lembrar do cisco no olho do próximo e na trave de madeira que está sobre o nosso (Mt 7:3).

Mas o principal é ajudar uns aos outros para que haja sempre uma correção na forma como um irmão conduz sua vida com Cristo. Afinal, não somos perfeitos e precisamos todos de exortação!

Faça tudo com amor

Primeiramente, ore a Deus pedindo discernimento e sabedoria para lidar com mansidão com um irmão que está cometendo faltas graves.

Depois, tente entender o que há de errado e as coisas que induzem essa pessoa a erros. É muito mais eficaz tratar um problema em sua raiz!

No final das contas, lembre-se que o amor é o que há de mais importante (1Co 13:13). Então em nenhuma ocasião deve-se expor o erro da pessoa a qual está se tentando auxiliar. Trate todos os irmãos da mesma maneira que gostaria de ser tratado, com zelo, cuidado e carinho.

Assim, teremos a cada vez mais, uma igreja fortalecida e que vive de acordo com aquilo que é da vontade de Deus.

Vamos conversar!

Para um contato mais pessoal comigo, me encontre no instagram pelo nome @zmbrandao. Você pode seguir também o perfil da @bibliajfa!

Não se esqueça de nos enviar seu testemunho através do e-mail [email protected]. Queremos ouvir sobre suas experiências com Deus.

___________

ABOUT THE AUTHOR



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.