OLINDA-PE-Integrante de facção do Rio de Janeiro que fugiu de presídio no Rio Grande do Norte é preso com documento falso em banco em Olinda


Operação realizada pelo GOE em Pernambuco resultou na prisão de integrante de facção criminosa do Rio de Janeiro e que estava foragido do sistema penitenciário do Rio Grande do Norte  — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Operação realizada pelo GOE em Pernambuco resultou na prisão de integrante de facção criminosa do Rio de Janeiro e que estava foragido do sistema penitenciário do Rio Grande do Norte — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Apontado como integrante de uma facção criminosa do Rio de Janeiro, um foragido do sistema penitenciário do Rio Grande do Norte foi preso no Grande Recife. Segundo a Polícia Civil, S.H.A.P., ou “Rocinha”, tem envolvimento com tráfico, sequestro, roubo e homicídio. Ao ser abordado, na saída de um banco, em Olinda, ele apresentou uma carteira de motorista falsa.

“Desde os 18 anos, ele tem dois documentos de identidade. Por causa de infrações cometidas quando menor, adotou essa prática. Quando era descoberto por um crime, passava a usar o outro nome”, afirmou delegado Ivaldo Pereira, do Grupo de Operações Especiais (GOE).

A prisão ocorreu na terça (3), após longo período de investigações. Nesta quarta (4), a Polícia Civil repassou detalhes da ação, durante entrevista coletiva concedida por integrantes do GOE, na capital pernambucana.

Ainda de acordo com a polícia, “Rocinha” tem uma condenação por sequestro e associação criminosa, no Rio de Janeiro. Também foi preso por tráfico e roubo a banco na Paraíba.

A polícia informou também que “Rocinha” estava morando em Barra de Jangada, em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. A distância, administrava bens que tem em Pipa, no Rio Grande do Norte, como casa e bar.

“A gente estava acompanhando ele e descobrimos o nome verdadeiro. Quando ele entrou na agência bancária em Olinda, fizemos a abordagem e ele confessou tudo”, declarou o delegado.

Ivaldo Pereira contou, ainda, que “Rocinha” saiu do Rio de Janeiro por causa da “guerra” entre facções rivais. Ele seguiu, então, para o Rio Grande do Norte, passando a viver na beira-mar de Pipa.

“No Rio Grande do Norte, também houve conflito de facções e ele veio para Pernambuco. Aqui, tinha um apartamento na beira-mar de Barra de Jangada e um veículo de luxo”, acrescentou o policial.

Com “Rocinha”, a polícia apreendeu objetos. A partir da análise do material o GOE pretende descobrir se ele cometeu algum crime em Pernambuco e qual o papel dele na facção criminosa do Rio de Janeiro.

O homem foi encaminhado para a audiência de custódia. Segundo Ivaldo Pereira, independentemente do resultado, ele será levado para a cadeira, já que é foragido do sistema penitenciário.

VÍDEOS: Mais vistos de Pernambuco nos últimos 7 dias

Rate this post



Comentários com Facebook




Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.