SÃO GONÇALO DO AMARANTE RN-Salário das profissões: quanto ganha um engenheiro, um advogado e um administrador?


Salário das profissões: quanto ganha um engenheiro, um advogado e um administrador?
Salário das profissões: quanto ganha um engenheiro, um advogado e um administrador?

Pexels

Escolher a carreira que você deseja seguir não é uma tarefa fácil, afinal uma decisão com tamanha importância precisa ser bem avaliada. Mas se você está aqui, é porque uma dessas três profissões (ou as três) lhe interessam, certo? E não é por menos: as profissões de engenheiro, advogado e administrador são, tradicionalmente, bastante procuradas porque apresentam uma grande diversidade de opções de atuação para quem se forma em uma dessas áreas.

O salário das profissões de engenheiro, advogado e administrador também é outro atrativo dessas carreiras. Apesar de as três áreas serem muito tradicionais, elas vivenciam atualizações e evoluções constantes, tornando-se profissões muito atrativas para quem gosta de buscar aperfeiçoamento constante. Se você se interessa por essas áreas, então vamos falar um pouco mais sobre cada uma delas.

As características e os salários das profissões de engenheiro, advogado e administrador

O mercado não se cansa de abrir vagas para essas três carreiras. Não importa se já existem muitos advogados e administradores no mercado, a cada dia surgem novas empresas que necessitam de administradores e novas áreas do Direito para os profissionais da área. Além disso, o Brasil carece de engenheiros, setor fundamental para o crescimento de qualquer nação.

Aproveite esse texto para tirar dúvidas sobre cada uma dessas carreiras e também para saber um pouco mais sobre o salário das profissões que nunca saem de moda.

1. Engenheiro

Quanto ganha um engenheiro? — Foto: PexelsQuanto ganha um engenheiro? — Foto: Pexels

Quanto ganha um engenheiro? — Foto: Pexels

O engenheiro é um profissional que pode trabalhar nas mais diversas áreas, desde a execução de obras até o trabalho com o manejo animal. Essa profissão oferece mais de 30 especializações. Entre elas:

  • Engenharia Aeronáutica;
  • Engenharia Ambiental;
  • Engenharia Cartográfica;
  • Engenharia da Computação;
  • Engenharia de Alimentos;
  • Engenharia de Controle e Automação;
  • Engenharia de Horticultura;
  • Engenharia de Minas;
  • Engenharia de Petróleo e Gás;
  • Engenharia de Segurança do Trabalho;
  • Engenharia Elétrica;
  • Engenharia Florestal;
  • Engenharia Industrial;
  • Engenharia Mecatrônica;
  • Engenharia Naval;
  • Engenharia Sanitária;
  • Engenharia Biomédica;
  • Engenharia Genética;
  • Engenharia Têxtil;
  • Engenharia Agrícola;
  • Engenharia Acústica;
  • Engenharia Civil;
  • Engenharia de Energia;
  • Engenharia de Materiais;
  • Engenharia de Pesca;
  • Engenharia de Produção;
  • Engenharia de Telecomunicações;
  • Engenharia Hídrica;
  • Engenharia Mecânica;
  • Engenharia Metalúrgica;
  • Engenharia Química.

Toda essa diversidade de áreas da engenharia e a carência de engenheiros no Brasil faz com que essa seja uma das carreiras mais promissoras do país. Além disso, o salário de início de carreira para um engenheiro é bastante atrativo para os jovens, sendo um dos mais altos do Brasil.

O engenheiro tem um piso nacional mínimo, determinado pela Lei 4.950-A, de 1966, que regulamenta a remuneração dessa área. De acordo com essa legislação, a tabela salarial do profissional da engenharia está ligada ao valor do salário mínimo e também à jornada diária de trabalho.

Confira o salário do engenheiro segundo a legislação:

  • Jornada de 6 horas: 6 salários mínimos (equivalente a R$ 5,7 mil em 2018);
  • Jornada de 7 horas: 7,25 salários mínimos (equivalente a R$ 6.887 em 2018);
  • Jornada de 8 horas: 8,5 salários mínimos (equivalente a R$ 8.075 em 2018).

2. Advogado

Quanto ganha um advogado? — Foto: PexelsQuanto ganha um advogado? — Foto: Pexels

Quanto ganha um advogado? — Foto: Pexels

Ser advogado é uma das possibilidades de carreira de que escolhe a faculdade de Direito. Mas para seguir essa profissão, além do diploma, é preciso se inscrever na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e fazer uma prova. Apenas depois da aprovação no exame é que o profissional poderá exercer a atividade.

O profissional dessa área é o responsável por defender os interesses dos seus clientes com base nas leis vigentes no Brasil. O advogado pode representar tanto pessoas físicas quanto uma organização, grupo empresarial ou empresa.

Dentro do Direito, existem diversas áreas de atuação. As principais são:

  • Direito Trabalhista e Previdenciário;
  • Direito Civil;
  • Direito Penal;
  • Direito Tributário;
  • Direito Empresarial;
  • Direito Eleitoral;
  • Direito Ambiental.

O salário mínimo inicial de um advogado pleno varia entre R$ 5.500 e R$ 7.000, dependendo do estado em que estiver atuando, segundo o Estudo de Remuneração da consultoria Michael Page 2017.

Em Santa Catarina, por exemplo, o piso mínimo é de R$2.808 mensais para um advogado que trabalha 08 horas por dia e tem até três anos de inscrição na OAB. O valor passa para R$3.224 para os profissionais com até cinco anos de inscrição. Para aqueles com até sete de registro na Ordem dos Advogados do Brasil o piso salarial é de R$4.784. A negociação é livre, obedecendo o valor mínimo referente ao período de cinco a sete anos, para profissionais com mais de sete anos de registro. Os dados são do Sindicato de Advogados de Santa Catarina.

3. Administrador

Quanto ganha um administrador? — Foto: PexelsQuanto ganha um administrador? — Foto: Pexels

Quanto ganha um administrador? — Foto: Pexels

Administração é um dos cursos preferidos dos jovens estudantes. Entra ano, sai ano, esse é um dos cursos que está sempre com várias turmas lotadas – e isso não é à toa. Toda essa procura é explicada pelo fato de que o administrador é um profissional requisitado para as mais diversas áreas de atuação em uma organização. Ele desempenha funções estratégicas e pode atuar também de forma autônoma, dando consultorias.

Além disso, o curso de Administração fornece uma base sólida para quem deseja empreender e abrir o seu próprio negócio. Com os conhecimentos de sala de aula em Marketing, Recursos Humanos e Finanças, por exemplo, o administrador formado conseguirá planejar cada passo do seu negócio e torná-lo sustentável.

Caso a sua vontade seja trabalhar em uma empresa, a carreira de administrador pode abrir um leque de opções. Isso porque o administrador é um dos responsáveis por tornar a companhia mais lucrativa, planejar e monitorar ações de responsabilidade social e promover estratégias e planos de ação para as empresas.

Por todas essas razões, o mercado de trabalho para esses profissionais não para de crescer. Se você for formado nessa área, dificilmente ficará sem emprego, já que as possibilidades são as mais diversas, tanto em empresas privadas quanto públicas.

O administrador pode trabalhar em hospitais, bancos, faculdades, hotéis, comércios, empresas de pequeno a grande porte e até mesmo em unidades empresariais no exterior.

Dentre as funções que podem ser exercidas por um administrador estão:

  • Administração financeira;
  • Gestão de recursos humanos;
  • Controladoria;
  • Planejamento estratégico;
  • Comércio exterior;
  • Controle de custos;
  • Gestão de informações;
  • Marketing;
  • Logística;
  • Gestão ambiental;
  • Controle de produção;
  • Gestão de processos;
  • Pesquisa de mercado;
  • Elaboração de plano de negócios.

De acordo com o site Guia da Carreira, o Conselho Federal de Administração (CFA) sugere que o salário de um administrador seja de R$ 2.458 para iniciantes e de pelo menos R$ 5.977 para profissionais com mais de dois anos de experiência. Apesar dessa indicação do CFA, no entanto, não existe um piso salarial mínimo único para os administradores no Brasil.

Assim, a média salarial para quem atua nessa área vai depender de qual função o administrador está exercendo, podendo chegar, inclusive, a salários mais altos do que os apontados.

Agora que você já conheceu um pouco mais sobre essas profissões e os seus salários médios, é hora de analisar todos os prós e contras e escolher a área que mais atende às suas expectativas quanto a uma profissão futura.

A Ampesc é uma instituição preocupada com o fomento do ensino superior no Estado de SC. O canal Admirável Mundo Novo é um centro de informações sobre as faculdades particulares catarinenses e um guia para alunos que estão no dia a dia do ensino superior ou prestes a entrar na sala de aula. Acesse outros conteúdos aqui.

AMPESC
SÃO GONÇALO DO AMARANTE RN-Salário das profissões: quanto ganha um engenheiro, um advogado e um administrador?
Avalie esta postagem



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *