SÃO GONÇALO DO AMARANTE RN-Pintor de 18 anos é assassinado a tiros quando voltava para casa na Grande Natal Crime ocorreu na noite de quarta-feira (24) em São Gonçalo do Amarante.


Um jovem pintor de 18 anos foi assassinado a tiros na zona rural de São Gonçalo do Amarante, cidade da Região Metropolitana de Natal. O crime ocorreu na noite de quarta-feira (24) quando a vítima, Otávio Pereira Campelo, caminhava pela rua de casa depois de ter ido a uma mercearia.

Segundo a Polícia Militar, Otávio estava a caminho de casa, no distrito Chã do Moreno. Ele foi seguido pelos atiradores e sofreu diversos disparos de arma de fogo. Cápsulas de munições calibre 380 ficaram espalhadas pela rua. Os assassinos fugiram do local do crime em dois veículos.

Otávio Pereira Campelo, de 18 anos, era filho de agricultores. Mesmo com a pouca idade, o rapaz já havia tentado a carreira de pintor em São Paulo. Ele retornou para São Gonçalo do Amarante recentemente depois de ter passado sete meses na capital paulista.

“Era um menino trabalhoso, a gente falava umas coisas e ele não aceitava, mas bobagem. Não era envolvido com crime. Não roubava, não matava. Que eu saiba ele vivia empinando moto e muita gente não gostava, mas era um menino bom, de casa”, conta o pai da vítima.

O local foi isolado para a remoção do corpo pelo Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep). O caso será investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil.

DHPP investiga o crime — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

DHPP investiga o crime — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Veja também

Jornal Nacional

Bolsonaro afirma que governo vai prorrogar o auxílio emergencial

Confirmação veio depois de um dia de discussões intensas sobre o benefício. Em postagem na manhã desta quinta (25), o ministro Luiz Eduardo Ramos chegou a antecipar a notícia, mas ela foi apagada minutos depois.

25 de jun de 2020 às 20:56

PróximoNuvem da gafanhotos avança em direção ao Uruguai
Mais do G1



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.