SÃO GONÇALO DO AMARANTE RN-Ceramistas discutem linhas de crédito, uso da lenha e Semana da Indústria para o setor


em linhas de crédito, uso da lenha e Semana da Indústria para o setor

Principais assuntos foram discutidos em reunião realizada na Fiern, nessa quinta-feira (26).

Por Redação

27 de setembro de 2019 | 09:57

FOTO: DIVULGAÇÃO/FIERN

O uso da lenha por grandes empresas, linhas de crédito, consultoria alemã, e Semana da Indústria Cerâmica prevista para acontecer em novembro deste ano, foram os principais temas debatidos durante a reunião geral do Sindicato da Indústria Cerâmica para Construção do Estado do Rio Grande do Norte (Sindicer-RN), realizada nessa quarta-feira, 26, na Casa da Indústria, em Natal.

O presidente do Sindicer-RN, e vice-presidente da FIERN, Pedro Terceiro de Melo, falou sobre quais são os pontos mais importantes do debate atual na indústria cerâmica. “O mais urgente é que acreditemos no retorno do mercado, que estamos precisando disso, que o mercado possa atender, e isso abre discussões e possibilidades amplas”.

Ele também tratou sobre a preocupação de empresas de grande porte migrarem do uso do gás para a lenha. “São grandes empresas, são grandes volumes que devem ser usados, que seria o caso da Coteminas e da Elizabeth, isso nos preocupa muito porque sabemos que o potencial lenhoso do nosso estado é pequeno, e isso é muito preocupante para nós”, explicou Terceiro.

No que se refere a financiamentos, a reunião contou com apresentação do superintendente de pessoa jurídica da Caixa Econômica Federal no RN, José Ricardo Gama. “Nós assinamos o convênio há um mês atrás com a Federação, onde beneficia todos as empresas sindicalizadas. Hoje aqui especificamente com o Sindicer, estamos trazendo operações de investimento, de capital de giro, de 13º salários, e outros serviços eles não conhecem, como o credenciamento do ConstruCard, que é o consumidor pessoa física poder comprar direto na cerâmica o seu tijolo”, acrescentou.

Pedro Terceiro comentou a apresentação e explicou que “No momento em que se vive hoje, a dificuldade não é a falta de crédito, existem muitas linhas de crédito, a dificuldade é chegar nesse crédito, a burocracia, sem falar que não há segurança de retorno”, afirmou.

CONVÊNIO – LINHAS DE CRÉDITO

No mês passado a FIERN assinou com a Caixa, convênio para facilitar e ampliar o acesso ao crédito para as micro, pequenas e médias indústrias potiguares. O convênio visa a disponibilização de linhas de crédito com condições diferenciadas (taxas e tarifas) e é voltado para empresas que são associadas à FIERN.

Para este semestre a Caixa informou que estão disponibilizados recursos, próprios e de terceiros, na ordem de R$ 140 milhões. Com este acordo as empresas terão acessos a linhas de crédito para investimento, capital de giro e antecipação de recebíveis. Além de desconto nos convênios de consignado, cobrança, folha de pagamento, anuidade de cartão de credito PJ e PF entre outros serviços.

CONSULTORIA ALEMÃ

O gerente do Centro Internacional de Negócios (CIN-FIERN) fez uma apresentação sobre o programa Senior Expert Service (SES), da Fundação da Indústria Alemã para a Cooperação Internacional, que prevê a vinda de profissionais aposentados daquele país para prestarem consultorias nas empresas. “A experiência já foi realizada em outros sindicatos, agora pode ser a vez do setor cerâmico”, disse o presidente do Sindicer-RN.

A maioria dos aposentados exerce suas atividades em pequenas e médias empresas, em instituições de formação profissional e do sistema de saúde e em organizações, como a Sociedade Alemã de Cooperação Internacional (GIZ). Em geral, essas atividades voluntárias são realizadas em um período de três a seis semanas, sobretudo na África, na Ásia, na América Latina e na Europa Central e Oriental.

A história da fundação SES começou em 1983 com poucas pessoas ajudando em algumas atividades. Hoje, essa fundação é, segundo dados próprios, a maior organização alemã de missões de aposentados voluntários, contando com quase 11 mil peritos registrados e cerca de 30 mil missões em 160 países, desde a sua fundação há 30 anos.

PLANTÃO DA REDAÇÃO

Fiern prestigia entrega da Medalha Policial Amigo do Comércio

Petrobras volta a elevar preço da gasolina

Lei municipal é batizada com nome de menina vítima de afogamento em clube de Natal

Taxa de desemprego recua para 11,8% em agosto, afirma IBGE

PRF começa a prensar carros que estão nos pátios do RN há mais de um ano

Tem música e espetáculo infantil na programação cultural do fim de semana em Natal

UERN institui cotas étnico-racial e de inclusão regional no processo seletivo

Professores da UFRN criam ferramenta para calcular previdência municipal

Orla de Natal poderá ser modernizada com construções

‘Ia matar Gilmar e depois me suicidar’, revela Rodrigo Janot

MAIS LIDAS

🔊Veja a programação para a Festa do Boi 2019
14/09/2019 | 09:30

Andressa Urach revela que contraiu DST após ‘cair em pecado’ e que pensa em deixar a vida de evangélica
26/09/2019 | 15:12

Bikeboy sai para fazer entregas com filho em bolsa canguru e comove natalenses
20/09/2019 | 10:35

Nordestão completa 47 anos e inaugura mais uma loja SuperFácil Atacado
03/09/2019 | 17:59



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *