SANTA CATARINA SC-Produtores estimam perdas de até 90% na produção de bananas no Norte de SC após ‘ciclone bomba’ Mais de 2,5 milhões de pés foram destruídos pela força do vento em Corupá. Cidade é a maior produtora e exportadora da fruta no estado.


A fruta é a principal fonte de renda de 500 famílias no município, incluindo a de Haas. A diretora da Associação dos Bananicultores de Corupá, Eliane Müller, afirmou que o fenômeno prejudicou todas elas.

“Todas as localidades foram afetadas e todos os produtores perderam muita fruta. Nós temos relatos de produtores que perderam 40%, 50%, 60% e até 90% da área plantada”, afirmou.

Nesta sexta-feira, agricultores e cooperativas devem se reunir com representantes da Epagri para fazer o levantamento dos danos.

Principal exportadora de bananas no estado, Corupá estima prejuízo de até 90% na produção — Foto: NSC TV/Reprodução

Principal exportadora de bananas no estado, Corupá estima prejuízo de até 90% na produção — Foto: NSC TV/Reprodução

Terceira crise no ano

Essa é a terceira crise que o bananicultor catarinense enfrenta neste ano. Antes do ciclone destruir as plantações, a estiagem já havia prejudicado a produção e as vendas da fruta haviam sido afetadas pela pandemia de coronavírus.

Para o diretor técnico da secretaria de Desenvolvimento Econômico de Corupá, Lucas Trevisan, o cenário pode ficar ainda mais crítico.

“A gente costuma dizer que este primeiro semestre que passou do ano de 2020, técnicos e produtores devem esquecer aqui na bananicultura. Mas ainda tem um fenômeno que é adverso para cultura da banana, que corre o risco, já pela previsão, que é a geada. Se vir a geada ainda neste mês, corre o risco ainda de secar todas as folhas dos pés de banana que sobraram aqui no município”, afirmou.

O cultivo da fruta também foi afetado em municípios do Vale do Itajaí e do Sul do estado. Em Luiz Alves, 50% das plantações de bananas também foram destruídas. O número equivale a cerca de 400 propriedades afetadas.

Muitos pés da fruta também tombaram em Jacinto Machado, e a maioria deles sequer estava pronta para a colheita. Os municípios ainda calculam o valor dos prejuízos.

Ciclone bomba afeta clima no Sul e no Sudeste; veja 5 curiosidades sobre esse fenômeno

–:–/–:–

Ciclone bomba afeta clima no Sul e no Sudeste; veja 5 curiosidades sobre esse fenômeno

Veja mais notícias do estado no G1 SC

Veja também

RJ1

Homem é suspeito de matar a mulher em Campo Grande

A arquiteta Thayane Nunes da Silva foi morta, em Campo Grande, e o principal suspeito do crime é o marido, Gilton Santos. Na fuga, na BR-101, bateu em três carros. Nove pessoas ficaram feridas.

3 de jul de 2020 às 12:03

PróximoEm Manaus, corpo é roubado de túmulo
Mais do G1

 



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.