SANTA CATARINA SC-‘Mesa da honestidade’: Moradora de SC deixa pães e cucas na rua para vender e sai para trabalhar: ‘Confio nas pessoas’, diz Antes ir para o trabalho, às terças pedagoga monta mesa com produtos que prepara de madrugada e deixa caixinha com dinheiro na rua em Bombinhas.


Uma moradora de Bombinhas, no Litoral Norte de Santa Catarina, vende pães e cucas na rua nos pontos mais movimentados da cidade. Todas as terças-feiras pela manhã antes de sair para o trabalho, ela monta a “Mesa da honestidade”. No local, expõem os produtos para venda e deixa uma caixinha para o cliente colocar o dinheiro da compra.

Márcia Sena é pedagoga, e trabalha na fundação cultural da cidade, e assim que monta o mesa com os produtos que prepara em casa, ela vai para o serviço. “Como sou sozinha e trabalho até as 14h da tarde, não dava tempo. Eu tenho que cumprir o meu horário no trabalho”, explica sobre a motivação para montar a mesa na rua sem deixar alguém cuidando.

“Durante a madrugada eu preparo os produtos e depois eu levo à mesa. Eu achei uma forma da mesa trabalhar para mim. E eu confio muito nas pessoas”, disse.

 

Moradora monta "mesa da honestidade" para vender seus produtos em SC — Foto: Patrícia Silveira/NSC TV

Moradora monta “mesa da honestidade” para vender seus produtos em SC — Foto: Patrícia Silveira/NSC TV

Antes de decidir montar a mesa, a pedagoga vendia os produtos de porta em porta ou pela internet. Mas resolveu apostar em um novo formato para conseguir uma renda extra sem comprometer seu horário de trabalho na fundação.

“A minha colega disse parar eu trazer para vender [no meu local de trabalho]. Mas aqui eu não posso, é o meu recinto de trabalho. Só que quando eu voltei para a minha sala, tive a ideia de colocar a mesa da honestidade”, diz.

 

A inciativa já completou um mês. Por volta das 14h, ela retorna ao local que deixou a mesa para buscar o que sobrou.

Márcia calcula os produtos que faltam e o dinheiro que recebeu. Segundo Márcia, já houve momentos em que percebeu dinheiro faltando na caixa que ela deixa no local. Contudo, afirma que mesmo assim não vai parar de montar a mesa.

“Uma vez faltaram R$4 e depois R$2. Mas com certeza era alguém que estava precisando. Eu confio e acredito nas pessoas, em um mundo melhor”, afirma.

 

Venda dos pães e cucas auxilia a pedagoga nas contas do mês — Foto: Patricia Silveira/NSC TV

Venda dos pães e cucas auxilia a pedagoga nas contas do mês — Foto: Patricia Silveira/NSC TV

Márcia afirma que além que completar a renda o dinheiro que recebe com a venda dos produtos está sendo destinado para auxiliar a filha, que mora no Mato Grosso, a se mudar e morar na região de Bombinhas.

Ela espera que tanto a filha quanto o genro, assim que se mudarem, possam auxiliá-la com a venda dos produtos.

No local ficam expostos apenas os produtos e uma placa indicando as formas de pagamento — Foto: Patricia Silveira/NSC TV

No local ficam expostos apenas os produtos e uma placa indicando as formas de pagamento — Foto: Patricia Silveira/NSC TV

Veja mais notícias do estado no G1 SC

Mais do G1



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.