A PALAVRA DO DIA-FAMILIAS BOMBARDEADAS PELO INFERNO-DAS MIDIAS TELEVISÃO INTERNET-ACESSE E LEIA


Como Vencer Sérias Adversidades

Eu quero agradecer a Deus, publicamente, pela vida do meu pai, o Apóstolo Miguel Ângelo, Bispo Primaz deste Ministério. Quero dizer da minha admiração, da minha felicidade, do meu contentamento, da minha alegria, em poder estar sobre este altar e ser sua herança espiritual, sendo a continuação desta história, partícipe deste movimento mundial de reforma Deus seja louvado pela vida do meu pai, pelo nosso ministério que avança, que cresce, que se multiplica a cada dia, pois nesse ministério há uma forte unção, crescimento e multiplicação. Glórias a Deus!

João 16:33“Estas coisas vos tenho dito para que tenhais paz em mim. No mundo, passais por aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo.” Que esta palavra abençoe corações!

Oração:

Senhor Jesus Cristo, Deus Soberano, Justo, Perfeito, fiel, Inteligência suprema, o Deus que abre caminhos onde, humanamente, não existem, o dono de todo ouro e da prata, o Deus que governa o universo e é o Criador do universo, aquele que é princípio e o fim de todas as coisas, o Deus que estabeleceu uma palavra, onde passarão os céus e a terra, mas a Sua palavra não passará. Aquietamos os nossos corações e levamos os nossos pensamentos cativos à obediência do Senhor. Voltamo-nos, agora, para o estudo bíblico e nos concentramos naquilo que será ministrado. Fala-nos sobre vitórias em sérias adversidades e todo o povo de Deus diga Amém e amém.

Meus amados, minha família, selo deste apostolado, povo santo e irrepreensível. Aqueles que foram lavados pelo sangue do Cordeiro, escolhidos e predestinados por Deus, aqueles que têm a imagem e a semelhança do Senhor, estão assentados em lugares celestiais, juntamente, com Cristo, já passaram da morte para a vida. Já foram transportados do império das trevas, para o reino do filho do seu amor. Um reino de paz, de justiça, de alegria, de provisão e de vitórias:

Que a vida é feita, também, de adversidades e lutas, todos já sabem. Talvez, você saiba porque você já passou por adversidades, ou, talvez, alguém que esteja, aqui, nos assistindo por internet, ou pelos satélites, esteja passando por uma adversidade, uma luta, um embate, ou, então, você sabe, tem consciência de que adversidades virão porque a vida é feita, também, de adversidades e de lutas. Mas, a questão é:           Como vencer as adversidades?

Que elas existem, todos sabemos.

E quando as adversidades são bastante sérias?

E quando nós nos encontramos em situações delicadas, situações desesperadoras, arriscadas, amedrontadoras, algumas, até nos assustam, mas o que fazer quando pensamos numa saída e nele há um problema e de imediato, não encontramos esta saída?

Por exemplo, numa situação de Habacuque 3:16 “Ouvi-o, e o meu íntimo se comoveu, à sua voz, tremeram os meus lábios; entrou a podridão nos meus ossos, e os joelhos me vacilaram, pois, em silêncio, devo esperar o dia da angústia, que virá contra o povo que nos acomete.”

Ele falava de momentos de angústia.

O que fazer? Quando nos deparamos numa situação como esta?

Uma adversidade. Quando todos à sua volta estão abalados, emocionalmente, e você tem que segurar toda “a barra” sozinho. Há momentos assim: em que todos já estão abalados, emocionalmente: A esposa, o marido, os filhos, o neto. Muitas vezes, você fica, ali, no olho do furacão e como diz o carioca, você tem que segurar “uma barra” sozinho. O que fazer quando a sua mente começa a ser bombardeada de pensamentos, de sentimentos como: medo, angústia, vontade de chorar, aquela vontade de largar tudo e ir embora. O que fazer quando parece que o mundo virou as costas para você. Quanto mais você tenta remar, parece que a correnteza que lhe leva para trás é mais forte.

1º) Antes de adentrar ao estudo, propriamente, eu quero trazer cinco profecias para você, nesta manhã:

1) Há solução para o seu caso

2) Há um milagre para a sua vida

3) Há uma saída para o seu drama

4) Há vitória para a sua tribulação

5) Há uma luz que se acende em meio a esta escuridão de vida

Você pode e vai vencer estas adversidades, mesmo que sejam muito sérias. Se você acredita nestas palavras e nestas afirmações que eu fiz. Marcos 9:23 “Ao que lhe respondeu Jesus: Se podes! Tudo é possível ao que crê!”

2º) Você precisa identificar qual é a espécie de problema que você está passando.

Qual é a espécie de adversidade que você está enfrentando. Eu vou entrar, agora, em algumas questões, talvez, você nunca tenha olhado os problemas e as adversidades da vida com esta ótica que eu vou lhe passar. Talvez, nunca ninguém tenha sido direto, objetivo, sincero e franco com você, como eu vou ser. Mas, eu quero que você entenda que os problemas podem ter origens. Você precisa entender e identificar qual a espécie de problema que você possa estar vivendo. Precisa identificar se é um ataque do inimigo, se é uma provação, se é uma disciplina ou se é uma conseqüência dos seus atos.

Duas coisas acontecem quando se enfrenta adversidades:

1) Você se desesperar

2) As pessoas olharem e terem pena de você

Muitas vezes, nós não paramos para pensar e refletir que as situações da vida podem ser de várias espécies, podem ser um ataque do inimigo ou uma provação ou uma disciplina ou uma conseqüência dos nossos atos. Conforme for a espécie do problema que estou vivendo, eu vou saber ter calma para vencer a adversidade. Tudo o que nos acontece tem uma origem e um porquê. Mesmo que você não consiga entender o porquê, situações acontecem com todas as pessoas sobre a terra.

O Senhor me levou a Eclesiastes 4:1, Salomão na sua experiente maturidade disse: “Vi ainda todas as opressões que se fazem debaixo do sol: vi as lágrimas dos que foram oprimidos, sem que ninguém os consolasse; vi a violência na mão dos opressores, sem que ninguém consolasse os oprimidos.”

O salmo está mostrando que desde que começou a humanidade, os problemas começaram. Situações difíceis, as adversidades começaram. Todas as pessoas sobre a face da terra têm problemas, todos os países têm problemas. Amado, você não é o único que têm problemas, muita gente acha que é o único que tem problemas: “Porque eu tenho isso, tenho aquilo”. Como se ninguém mais enfrentasse dificuldades. Você não é o único que tem problemas, problemas todos têm sobre a face da terra. E não pense que só porque a pessoa tem um pouco mais de dinheiro, que ela é perfeita. Porque ela pode não ter o problema do dinheiro, mas pode ter outras adversidades na vida. Então, às vezes, você se sente inferior e pensa: “Ah, eu queria ter o dinheiro dele, porque a vida dele é perfeita!” Não! Talvez, ele não tenha problema financeiro, mas ele tem outras adversidades. A despeito de tudo isso que estou lhe dizendo, a sua vida pode ser vitoriosa.

Eu quero lhe ajudar, pela inspiração divina, a superar as suas adversidades e vencê-las porque você está, aqui, para vencer.

Você  lembra qual foi a profecia para o nosso ministério?

“Este é o quartel-general onde os soldados são instruídos e treinados, não só para as batalhas, para saber lutar, mas para vencer, sempre”. Então, aqui, está o quartel-general de Deus, você está sendo instruído não só para saber lutar, ou para vencer, sempre.

Então, vamos entender:

1) Ataque do inimigo

Quando é que eu sei que a adversidade que eu estou passando é um ataque do inimigo?

É quando você enfrenta uma situação que está tentando lhe humilhar, lhe envergonhar, tirar a sua paz, a sua alegria, abalar a sua fé, roubar a sua coragem, o sorriso do seu rosto, alguma benção alcançada. Você recebe uma benção: Um carro, um emprego, um casamento, algum bem e aí tentam lhe roubar isto. Isto é um ataque do inimigo. Esta adversidade, a sua espécie qual é? Ataque do inimigo.

João 10:10 “O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância.”

Se você alcançou um cargo muito bom e pessoas estão querendo lhe difamar, caluniar, inventar mentiras contra você, inventar coisas que você não fez, para que você perca a benção alcançada. Este é um ataque do inimigo. Esta adversidade se caracteriza como ataque do inimigo. É aquela pessoa que se casa, está muito feliz e vem uma situação de adultério, querendo rondar a família. Este é um ataque do inimigo, porque ele veio para roubar, matar e destruir os laços de amor.

1 Pedro 5:8-9. Estamos identificando as adversidades! “Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar; resisti-lhe firmes na fé, certos de que sofrimentos iguais aos vossos estão-se cumprindo na vossa irmandade espalhada pelo mundo.”

Os crentes do Brasil, Estados Unidos, Coréia ou de qualquer lugar deste mundo, sofrem ataques do inimigo porque ele anda como um leão que ruge procurando alguém para devorar, mas nós temos o Leão da tribo de Judá que está em nós.

Então, eu sei que estou sendo atacado pelo inimigo, quando mesmo fazendo o bem, o mal vem contra mim. É um ataque do inimigo. Se eu estou fazendo o bem, tudo certo e aí, vem o mal. É um ataque. Ou então, você identifica quando algo grandioso está a caminho e o inimigo tenta lhe confundir com mentiras e lhe levar a duvidar que aquilo que é grandioso, vai acontecer. Ele é o pai da mentira. É um ataque. A maior artimanha do inimigo é a mentira.

João 8:44 “Vós sois do diabo, que é vosso pai, e quereis satisfazer-lhe os desejos. Ele foi homicida desde o princípio e jamais se firmou na verdade, porque nele não há verdade. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira.”

Ele está falando com os da perdição.

Você pode me perguntar:

“Bispo, quando o inimigo ataca, qual é a maior mentira que o diabo usa?”

É a mentira da impossibilidade.  Ele usa, sempre, os seguintes dardos inflamados: Não e nunca.

Quando eu começo a pensar e a sentir que nunca vou conseguir, isto é um ataque do inimigo para que eu, realmente, não consiga. Quando a pessoa começa a pensar: “Eu não vou conseguir conquistar o meu próprio negócio!” Quando o inimigo lhe convence de que você nunca vai ser amado de verdade, ou quando a pessoa começa a pensar nisso, é o ataque do inimigo. Ou então: Você nunca vai passar na prova! Você nunca vai ser curado! Se a pessoa duvida, a cura nunca acontece. E eu estou mostrando situações. Quando você começa a pensar: “Eu nunca vou prosperar, nunca vou crescer na vida! Ou então: “A minha família nunca vai se converter para Jesus! Ou então: “Você nunca vai comprar a sua casa”. Quando o inimigo lança esses pensamentos, este é um ataque para que a pessoa se confunda, ou então, desista dos seus sonhos. Eles não vão se realizar nunca!

Portanto, as idéias malignas. Amado, as suas mentiras, sempre, contrariam aquilo que Deus diz. O inimigo usa de uma situação, ele sabe que há algo grande a caminho e ele quer lhe confundir com a mentira. A mentira da impossibilidade: “Eu não vou conseguir, eu não vencerei, minha família nunca vai se converter, meu lar nunca vai ser feliz, minhas finanças nunca serão prósperas, ou seja, isto se não identificado, pode levar o cristão à derrota.Gênesis 3:1 Como, exatamente, a serpente fez? “Mas a serpente, mais sagaz que todos os animais selváticos que o SENHOR Deus tinha feito, disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim?”

Então, Deus nos diz: “Pelas chagas de Cristo somos sarados” Deus disse: “A tua família é bendita!” “Tu e a tua casa servirão ao Senhor!” “Tu tens força para adquirires riquezas!” “Virão sobre ti e te alcançarão as bênçãos!” “Terás uma união feliz!” “Teu casamento será digno de honra, teus filhos comerão à volta da tua mesa, tua esposa será como a videira frutífera!”  Mas o inimigo vem com as mentiras e lhe ataca para que você não acredite em nada disso e viva a tormenta de vida. Versículo 2-4 “Respondeu-lhe a mulher: Do fruto das árvores do jardim podemos comer, mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Dele não comereis, nem tocareis nele, para que não morrais. Então, a serpente disse à mulher: É certo que não morrereis.”

Veja! Deus disse: “Vai acontecer assim!” E a serpente diz: “Não vai acontecer assim. Por quê? Porque ele é o pai da mentira. E se Deus diz: “Sim, você vai conseguir!” Ele diz que tu podes todas as coisas! Esta é a verdade para a sua vida, não se engane com as mentiras. Agarre-se, totalmente, às verdades de Deus, porque se eu me agarro às mentiras do inimigo e me convenço, a minha vida será uma eterna adversidade.

Como é que eu venço estes ataques do inimigo?

-Bispo, eu me identifiquei. O problema que estou passando é um ataque do inimigo à minha mente. Como é que eu venço? Com jejum? Indo aos montes?

Não.

1) Confessando e declarando, sempre, o que a palavra diz.

Sim, porque a palavra de Deus tem mais força do que a palavra do diabo. Então, quando o inimigo vem com as suas mentiras para gerar tormento, tribulação, desespero e medo, eu reajo de que forma?

Confessando e declarando, sempre, o que a palavra diz.

Você se lembra quando Jesus foi levado ao deserto para ser tentado pelo diabo? Como ele contra-atacou o inimigo?

Na palavra. O diabo vinha com o espírito de confusão, e Jesus dizia: “Está escrito!”

Portanto, você tem que confessar e declarar, sempre, o que a palavra diz. Quando você está diante de uma dificuldade, você começa a declarara a palavra, começa a pensar na palavra, quando você começa a declarar, confessar aquilo que a palavra diz, então, o que está na palavra é o que acontece na sua vida. 2 Coríntios 4:13 “Tendo, porém, o mesmo espírito da fé, como está escrito: Eu cri; por isso, é que falei. Também nós cremos; por isso, também falamos!”

Olha como é o Espírito da fé!

Então, não adianta só falar da palavra, aqui, dentro da igreja, tem que falar, principalmente, lá fora.

2) Orando com fé.

2 Coríntios 10:3 diz: “Porque, embora andando na carne, não militamos segundo a carne.” Ou seja: Embora tenhamos a nossa carne, a nossa luta, quando estamos diante de uma situação, não pode ser na carne. Então, muitas pessoas se enganam fazendo jejuns para derrubar as situações diversas do maligno. A luta não é pela minha carne, são armas espirituais.      Versículos 4 e 5: “Porque as armas da nossa milícia não são carnais, e sim poderosas em Deus, para destruir fortalezas, anulando nós sofismas

5 e toda altivez que se levante contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo pensamento à obediência de Cristo.”

As armas que Deus nos deu, que são poderosas, que de fato vencem os ataques do inimigo não são carnais. Quando eu oro com fé, eu estou levando o meu pensamento cativo à obediência do Senhor.

3) Louvando a Deus, continuamente.

Amado, se você louvar, continuamente a Deus, os seus inimigos são desbaratados. Muitas pessoas não percebem o poder que tem o louvor. O louvor que nós tivemos, aqui, nesta manhã, teve um poder tremendo na sua vida, teve um poder contra os seus adversários, contra principados, potestades, altivez. Altivez que se levanta contra a sua vida e quando você louva, continuamente a Deus, alguma coisa acontece. Isaías 61:3 “e a pôr sobre os que em Sião estão de luto uma coroa em vez de cinzas, óleo de alegria, em vez de pranto, veste de louvor, em vez de espírito angustiado;”

Então, o Senhor já nos deu vestes de louvor. O Senhor já nos deu a sua alegria. Quando eu cheguei, aqui, hoje, e comecei a cantar: “A alegria do Senhor é a minha força, e ninguém pode tirar, ninguém pode roubar!” E aquele louvor estava chegando aos céus como incenso suave e o meu louvor estava derrubando e desbaratando o inimigo. Diga: Eu tenho óleo de alegria. Eu fui coroado por Deus!”

Você se recorda da estratégia de Josafá e do povo de Deus contra os filhos de Amom e Moabe? 2Crônicas 20:21 “Aconselhou-se com o povo e ordenou cantores para o SENHOR, que, vestidos de ornamentos sagrados e marchando à frente do exército, louvassem a Deus, dizendo: Rendei graças ao SENHOR, porque a sua misericórdia dura para sempre.”

Eu estou lhe mostrando uma séria adversidade. Não eram pessoas com canivetes suíços do outro lado, eram escudos, lanças, armas e em meio à batalha, exércitos do outro lado. Olha a estratégia que Deus dá ao seu povo: “Comece a cantar louvores! Comecem a render graças ao Senhor!” Versículo 22 “Tendo eles começado a cantar e a dar louvores, pôs o SENHOR emboscadas contra os filhos de Amom e de Moabe e os do monte Seir que vieram contra Judá, e foram desbaratados.”

Quando você começa a cantar e a louvar a Deus, não há mal que resista, não há inimigo que fique de pé, no seu louvor a Deus está a sua confiança. Enquanto você está levantando a voz e as mãos para Deus, do outro lado, os seus inimigos estão sendo confundidos e estão caindo do outro lado, estão sendo desbaratados! Eu creio nisso! Enquanto você está, aqui, levantando a voz e as mãos para Deus diante dos exércitos, não importa, porque os seus inimigos estão caindo do outro lado. Glória a Deus!

Vamos à provação!

1 Tessalonicenses 2:4 “pelo contrário, visto que fomos aprovados por Deus, a ponto de nos confiar ele o evangelho, assim falamos, não para que agrademos a homens, e sim a Deus, que prova o nosso coração.”

Então, antes que você se desespere,  e queira pegar um avião para Paris, deixe-me dizer uma coisa: A bíblia diz que Deus prova os corações.

Por que Deus permite provações? Quando é que eu sei que estou passando por provações? Quando é que eu sei que estou sendo provado?

Quando eu sei que aquilo que eu estou passando é uma espécie de provação?

  1. Deus prova os corações

É que por trás da provação, há um propósito. Ou de amadurecimento, experiência, ou extrair lições para a sua própria vida. Ou, até mesmo, para testar a nossa fé. Deus não permite a provação para o meu mal, e sim, para o meu bem. Ele prova os corações. Romanos 8:28 “Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.”

Portanto, quando eu sou provado, por trás da provação, há um propósito. Ou seja, eu não estou passando aquilo por um acaso. Há um propósito. Diferente do ataque do inimigo. O inimigo vem para matar, roubar e destruir. A provação, não, há sempre um propósito, e é por isso, que coopera para o meu bem e não para o meu mal.

Eu procurei no dicionário a palavra, PROVAR que quer dizer, fazer conhecer

É na provação que nós demonstramos quem somos. Enquanto está tudo normal, está tudo bem, numa boa, tudo ótimo, mas é na provação que demonstramos quem somos, que tipo de provação é. É na provação que nós demonstramos em quem nós confiamos. É na provação que se faz conhecer, que somos capazes de vencer e de superar. Se eu não tivesse passado por certas coisas na minha vida, eu não saberia que eu sou capaz de vencer e de superar. Por isso, é que provação significa, também: Fazer conhecer. Eu passo a conhecer quem eu sou, em quem eu confio. Lucas 8:13 “A que caiu sobre a pedra são os que, ouvindo a palavra, a recebem com alegria; estes não têm raiz, crêem apenas por algum tempo e, na hora da provação, se desviam.”

Se não existisse a provação, como você iria se conhecer como cristão?

Você precisa olhar a provação com olhos positivos. É na provação que testamos o poder da nossa fé. Quando está tudo bem, eu não preciso testar o poder da fé. Está tudo bem.Tiago 1:3 “sabendo que a provação da vossa fé, uma vez confirmada, produz perseverança.”

Quando passamos por provações, nós também, nos tornamos mais humildes, quebrantados. Às vezes, tem aquela pessoa orgulhosa que não arreda pé, que não se curva, que não assume, cheia de pompa, e quando passa por uma provação, ela fica humilde, quebrantada, fica com cara de anjo. Por quê? Porque muitas vezes, Deus permite provações para quebrantar o coração da pessoa, para a pessoa ver que ela não é nada e com Deus, ela pode tudo. Glórias a Deus! Aleluia!

Quando passamos por provações, ficamos mais dependentes de Deus, da igreja, da palavra. É na provação que passamos a valorizar mais o lado espiritual. Quando as coisas ficam muito tempo, tudo maravilhoso, a pessoa não valoriza as coisas espirituais, e não vai à igreja, fica dois meses fora, depois volta, depois vem fica fria com Deus, mas quando ela passa por provações, ela valoriza: “Meu Deus! Que valor tem a palavra! Que maravilhoso é vir à Igreja! Estou me sentindo outra!”

  1. Final da provação é vitória

E diante de tudo isso? Temos que saber que a vitória está garantida por Deus. A vitória será, sempre, o final das provações. 2 Pedro 2:9 “é porque o Senhor sabe livrar da provação os piedosos e reservar, sob castigo, os injustos para o Dia de Juízo,”Claro! O que ele permite não é para destruir, para matar, nos colocar em cima de uma cama e morrer em 10 dias. Não! A provação é para tudo isso que lhe mostrei. E ele? “sob castigo, os injustos para o Dia de Juízo.” 2 Coríntios 4:17 “Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós eterno peso de glória, acima de toda comparação,”No final de tudo é glória para a sua vida. Diga: É glória para a sua vida!

  1. Disciplina

Muitos vivem atribulados, cheios de adversidades porque estão em disciplina e correção. Eu sei que nós somos humanos, temos sentimentos, compaixão, temos um coração puro, um coração de Deus, e ficamos  com pena, chorosos, mas, muitas das vezes, a pessoa pode estar passando por disciplina e correção. Quem semeia vento, colhe tempestade. Gálatas 6: 7 “Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará.”

De Deus não se zomba! Muitos perdem, fracassam, não evoluem, são disciplinados, sabe por quê? Infidelidade, desobediência, rebeldia. Eu já vi pessoas chegarem ao fundo do poço, por causa de rebeldia, insubmissão, vida errada, pecado e carnalidade. Você me pergunta:

“Disciplina, por quê?”

Porque Deus lhe ama e quer que você ande corretamente. E é, por isso, que nós somos disciplinados e corrigidos. Você pode me perguntar:

“Bispo, eu me identifiquei com esta situação, o que fazer se eu estou de baixo de disciplina?”

Volte, imediatamente, a viver em linha com a palavra e você terá paz com Deus. Volte! Confesse, reconheça que você está errado e deixe o seu erro de lado.     Provérbios 28:13 “O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia.” Se você encobre as transgressões, você nunca prospera. Você vai ficar embaixo de disciplina e, aí, vêm as adversidades.     1 João 1:9 “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça.”

-Bispo, o irmão não me conhece, o meu erro é muito grave, o que eu estou fazendo é terrível!

Não importa! Não importa a injustiça, não importa o pecado, o sangue de Jesus já lavou!

Nós somos disciplinados, também, para evitar o mau testemunho. Se Deus não nos disciplinasse, as pessoas seriam como “pipas voadas”, dão linha, dão linha e não saberiam mais onde parar, por isso, Deus disciplina.1 Corintios 11:32 diz o quê? “Mas, quando julgados, somos disciplinados pelo Senhor, para não sermos condenados com o mundo.” Ou seja, antes que a pessoa dê um mau testemunho, antes que o mundo venha condená-la, antes que ela venha ser escândalo e vergonha, Deus disciplina. Para quê? Para que volte, se conserte e viva em linha com a palavra.

Se a pessoa está em desobediência, rebeldia, insubmissão, vida errada, pecado e carnalidade e coisas ilícitas, vêm as adversidades. Por quê? Porque ela está debaixo de disciplina e correção.

  1. As conseqüências dos meus atos

O que eu posso estar enfrentando de dificuldades, talvez, seja as conseqüências dos meus atos. Ou seja, eu sei o que é certo e não faço. O que eu posso esperar?

Muitas adversidades que passamos são atos equivocados. Atos equivocados que produzem isto. Por exemplo: Pessoas que fazem sociedade com ímpios. O que ela pode esperar? A bíblia diz: Não pode fazer! Às vezes, a pessoa fica chorando porque perdeu isso ou aquilo, mas por quê? Conseqüência de atos equivocados. Às vezes, a pessoa passa por adversidades porque ela mesma produz isto. Por exemplo: Se eu me caso com incrédulo? Uma coisa é eu vir para igreja, já sou convertida, o marido ainda não, os filhos ainda não. Isso é um caso. Não é isso. Eu estou dizendo: Você está na igreja e se une a um incrédulo, o que você pode esperar desse casamento? Depois, vem a tempestade, a casa não está sobre a rocha, desaba, é grande a ruína, e aí fica todo mundo: “Meu Deus! Acabou o casamento!” Por quê? Conseqüência dos atos.

Por exemplo: Quando uma pessoa confia em quem não devia. Algum tempo atrás, eu sofri com uma situação porque eu confiei em quem não devia. Meu pai disse: “Guel, não confia nesta pessoa!” Eu insisti e me “ferrei”! Agora, eu vou culpar quem? O diabo, o inferno? Não! São conseqüências dos meus atos equivocados. E eu tenho que assumir isto.

Então, quando eu não sigo os conselhos de Deus, as minhas atitudes geram maus resultados. Mais um exemplo clássico: Quando eu não dou o meu dízimo. Eu não posso esperar as mesmas bênçãos que um dizimista tem.  Eu não posso ficar brigando com Deus e ficar de joelhos cem horas, achando que isto vai resolver, se eu não tenho coragem de me tornar um dizimista e entrar em aliança com Deus. O que eu posso esperar? As bênçãos que Deus dá a um dizimista? “Vou abrir as janelas dos céus, te darei forças e serás bem sucedido em tudo que fizeres!” Eu não sou fiel, eu posso esperar isto? Não!

Eu vou mais além: Doença. Às vezes, as pessoas têm doenças porque elas produzem isso. Eu disse, aqui, numa mensagem, quando falei sobre as leis da cura divina: “Os estudiosos já estão chamando o câncer de doença do ódio.” A pessoa vai alimentando ódio, ódio, raiva e quando vai ver, faz um exame: Está com câncer! E diz: “Deus me deu um câncer!” Não, não! Você produziu isto, alimentando os maus pensamentos, não perdoa, é rancorosa. A pessoa rancorosa, certamente, vai ter um colapso, um infarto.

Falência: Você acha que a pessoa vai à falência de um dia para o outro?

Não! Foram os seus atos equivocados.

Casamento fracassado: Se eu sou um mau esposo, o que eu posso esperar do meu casamento? Mil maravilhas? Não. Não posso esperar nada. Se eu sou uma má esposa, o que eu posso esperar? Adianta ficar clamando a Deus, “Deus! Restaura o meu casamento!”, se eu não mudo as minhas atitudes.

As situações têm origens. Você vê as pessoas passando por problemas, pode ser que não, mas na maioria das vezes, ou o marido é um mau esposo, ou a mulher. Se você decide praticar o que está na bíblia, você vive bem. Se você é um mau filho, um filho desobediente, um filho que não honra o pai, um filho que coloca o pai num asilo, apodrecendo, às vezes, você vê na televisão. É cadeira elétrica! Bota na prisão com um miolo de pão do lado. Porque o pai ralou, lutou, abriu mão de um monte de coisa para dar comida, dá isso, dá aquilo, mas o filho cresce, se forma, enriquece e joga o pai no asilo. Isso não se faz! Filho, você quer ter vida longa? Honre seus pais. Seus pais serão, sempre, os seus melhores amigos! Seus pais é que querem o melhor para você, não são essas amizades aí que não sabem de nada da vida e querem lhe aconselhar de quê?

Eu vou além: Se você é um mau pai, o que você pode esperar dos seus filhos? Se você chama o seu filho de “burro” a vida toda, se você não dá um estímulo, não incentiva, é, sempre, pancada. Chapada, grito, berro, o que você pode esperar do seu filho? Que venha ao seu lado para a igreja? Não! Você tem que mudar as suas atitudes! Eu quero que os meus filhos vejam o meu exemplo. Se eu quero que eles me amem, eu tenho que amar, se eu quero que eles me tratem bem, eu tenho que tratar bem. A vida é assim. Você tem que ser exemplo dentro de casa. É aquela pessoa que diz assim para o filho que não fume, mas ele está com o cigarro na boca.

Eu quero lhe dizer que toda a ação tem uma reação. É preciso mudar as atitudes, é preciso fazer diferente. É preciso agir diferente, só assim, você vai sofrer menos conseqüências negativas dos seus atos.

Então, amado, prometa a Deus que as suas atitudes serão novas! Olha que palavra tremenda de Jó: Jó 30:26 “Aguardava eu o bem, e eis que me veio o mal; esperava a luz, veio-me a escuridão.”

Por que é que veio o mal, a escuridão, se eu aguardava? Porque, muitas vezes, os meus atos são equivocados. O que eu semeio, eu colho. Depois, ele diz em Jó 30:27-28: “O meu íntimo se agita sem cessar; e dias de aflição me sobrevêm. Ando de luto, sem a luz do sol; levanto-me na congregação e clamo por socorro.”

Depois, a pessoa vem desesperada, só reclama, só murmura. De que forma está o seu emocional? Na miséria! Se você só pensa em derrota, o que você pode esperar de resultado? Não espere coisa boa não. Judas 1:16 “Os tais são murmuradores, são descontentes, andando segundo as suas paixões. A sua boca vive propalando grandes arrogâncias; são aduladores dos outros, por motivos interesseiros.”

O que os murmuradores são? São descontentes. Infelizes.

Talvez, o ambiente que você esteja vivendo, esteja passando, você foi o responsável porque você agiu errado. Não repita os mesmos erros, mude as atitudes e as adversidades serão vencidas, todas elas. Se você está com problemas, com sérias adversidades, eu quero profetizar: Você já venceu e já superou tudo pela fé, em nome de Jesus! Seja um momento de ataque, uma provação, uma disciplina, ou conseqüência de atos equivocados, eu quero lhe dizer: Hoje, é dia de vitória, de milagre, de uma saída, de uma solução. A luz de Deus chegou à sua vida!

Salmos 118:17-25 “Não morrerei; antes, viverei e contarei as obras do SENHOR. O SENHOR me castigou severamente, mas não me entregou à morte. Abri-me as portas da justiça; entrarei por elas e renderei graças ao SENHOR. Esta é a porta do SENHOR; por ela entrarão os justos. Render-te-ei graças porque me acudiste e foste a minha salvação. A pedra que os construtores rejeitaram, essa veio a ser a principal pedra, angular;  isto procede do SENHOR e é maravilhoso aos nossos olhos. Este é o dia que o SENHOR fez; regozijemo-nos e alegremo-nos nele. Oh! Salva-nos, SENHOR, nós te pedimos; oh! SENHOR, concede-nos prosperidade!”

Levante suas mãos. Ele diz: “Nós vos abençoamos.” Tu és um abençoado! Receba as bênçãos, nesta manhã, receba vitórias, provisão, cura, milagres, transformação, receba a sua mudança de vida.

Versículos 26-29: “Bendito o que vem em nome do SENHOR. A vós outros da Casa do SENHOR, nós vos abençoamos. O SENHOR é Deus, ele é a nossa luz; adornai a festa com ramos até às pontas do altar. Tu és o meu Deus, render-te-ei graças; tu és o meu Deus, quero exaltar-te. Rendei graças ao SENHOR, porque ele é bom, porque a sua misericórdia dura para sempre.”

Ah, se não fosse a sua misericórdia!

Feche seus olhos!

Pai amado, bendito. A tua palavra é Espírito e é vida. Por isso, o sábio disse: Provérbios 3:3 “Não te desamparem a benignidade e a fidelidade; ata-as ao pescoço; escreve-as na tábua do teu coração.” Esta palavra, esta sabedoria vai te honrar. Esta pessoa chegou, aqui, com sérias adversidades, e ao identificar o por quê, o que está acontecendo, e ao olhar as adversidades com outros olhos, encontre a luz, encontra o milagre, ela encontra a saída, encontra a resposta, a solução, a vitória. Eu declaro a vitória. Eu declaro a vitória! Tende bom ânimo! Em nome de Jesus e todo o povo de Deus diga: “Amém!”

 

Se nossa Mensagem tem abençoado a tua vida, se estas palavras tem feito bem ao teu espírito, ajude-nos a mantê-la, seja um semeador. Com certaza seu dízimo e oferta semeado em nosso ministério de evangelização, será honrado por Deus em tua vida com bençãos sem medidas. CLIQUE AQUI PARA DOAR!

Compartilhar

A PALAVRA DO DIA-FAMILIAS BOMBARDEADAS PELO INFERNO-DAS MIDIAS TELEVISÃO INTERNET-ACESSE E LEIA
Avalie esta postagem



Loading...

Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: levanyjunior@blogdolevanyjunior.com

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *