OLINDA -PE-Homem da Meia-Noite arrasta multidão em noite ‘mágica’ em Olind


mco_5539

 

Homem da Meia-Noite arrasta multidão em noite ‘mágica’ em Olinda

Calunga de 84 anos prestou homenagem às mulheres neste ano.
Mulher do Dia se encontrou com o gigante e fez participação especial.

Do G1 PE

O gigante mais amado de Olinda mostrou que magia existe e arrastou uma multidão pelas ladeiras, na madrugada deste sábado (6) para domingo (7). O 84º desfile do Homem da Meia-Noite fez uma homenagem às mulheres com o tema ‘Essas, e tantas mulheres’. Foi com grande comoção popular que ele deixou a sede da agremiação, na Estrada do Bonsucesso, pouco antes da meia-noite, com chuva de papel picado e fogos.

[Veja, no vídeo acima, a saída do Homem da Meia-Noite]

O calunga – como é chamado, por se tratar de uma criatura mística – ganhou ‘vida’ através de Pedro Garrido. São quase 50 quilos nas costas. “Eu tenho um grande compromisso e uma grande responsabilidade para levar o Homem da Meia-Noite para os foliões apaixonados por ele”, afirmou, acrescentando que, ao sair nas ruas, o carregador se transforma na figura. “Quando estou na rua, não sou mais Pedro, sou o Homem da Meia-Noite”, reforçou.

Homem da Meia-Noite, seguido de perto pela orquestra, coloca todos para frevar (Foto: Marlon Costa / Pernambuco Press)Homem da Meia-Noite, seguido de perto pela orquestra, colocou todos para frevar
(Foto: Marlon Costa / Pernambuco Press)

A roupa do gigante trazia flores bordadas e um broche rosa, em referência às mulheres. Ela foi feita pelas costureiras da escola de samba Gigantes do Samba, que participou da concentração do desfile colocando todos para sambar. “É muito boa essa união desses dois gigantes. Para a gente, está sendo maravilhoso. É uma grande novidade”, apontou o representante da escola, Isnaldo Lira. A cartola do gigante também ganhou uma borboleta.

Após a saída do Homem da Meia-Noite aconteceu um encontro que há muito não se via no carnaval de Olinda. O ilustre calunga se encontrou com a Mulher do Dia na Praça do Bonsucesso. Uma das brincadeiras de Olinda é que os dois são os pais do Menino da Tarde, que desfilou no sábado (6). [Veja o encontro dos dois no vídeo acima]

A enfermeira Valéria Perrier é uma das apaixonadas pelo calunga, que não perde o desfile por nada. “O Homem da Meia-Noite é o oxigênio do carnaval de Olinda”, resumiu a enfermeira.

As fantasias das crianças remetem à chave e ao relógio que geralmente acompanham o Homem da Meia-Noite (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)Crianças também se fantasiam em homenagem ao gigante mais amado de Olinda
(Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)

O desfile do Homem da Meia-Noite tem, altualmente, cerca de 4 quilômetros. Antigamente, chegava a quase 30 quilômetros. “Homem da Meia-noite faz parte da minha infância. Ele saía com carros alegóricos, ia pela Estrada de Belém [no Recife]”, recorda José Mario.

Rosas são entregues em frente à sede do Homem da Meia-Noite (Foto: Reprodução / TV Globo)Rosas foram entregues em frente à sede da
agremiação (Foto: Reprodução / TV Globo)

Por volta das 23h, rosas brancas foram entregues às mulheres que estavam diante da sede. Neste ano, além das camisas verdes com desenho de fraque, foram confeccionadas versões rosas. Dois blocos líricos acompanharam a agremiação, o ‘Damas e Valetes’ e o ‘Cordas e Retalhos’.

O relógio e a chave, que sempre acompanham o gigante, ganharam um novo visual, desenvolvido pelo artista plástico João Andrade. Os adereços marcam a saída do Calunga e a chave é entregue ao Cariri ao final do desfile

Homenagens
A agremiação prestou neste ano homenagem a três mulheres. A primeira é Dona Irene Bernardino, filha de Benedito Bernardino, um dos fundadores do clube de alegorias. Aos 93 anos, ela vive ao lado da sede do Homem da Meia-Noite e representa a tradição da agremiação.

Presidente do Homem da Meia-Noite, Luiz Adolpho (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)Presidente do Homem da Meia-Noite, Luiz Adolpho (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)

Recordar os antigos diretores e saudar os apaixonados mais velhos pelo gigante faz parte da história do clube, destacou o presidente, Luiz Adolpho. “A história é a nossa vida. É a essência de tudo que começou, é a história do meu pai, de todos que passaram aqui pelo Homem da Meia-noite. A emoção é muito grande. É uma lembrança dos últimos 13 anos, do meu pai. Não tem como não se emocionar numa hora dessas”, afirmou.

As outras duas homenageadas são a forrozeira Nádia Maia e a atleta Yane Marques – a segunda delas é lembrada por ser, segundo os que fazem o Homem da Meia-Noite, uma mulher guerreira e uma das atletas mais importantes do estado.

Com celulares nas mãos, os apaixonados registram o gigante de Olinda (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)Com celulares nas mãos, os apaixonados registram o gigante de Olinda
(Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)
Estrada do Bonsucesso tomada pelos apaixonados pelo Homem da Meia-Noite (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)Estrada do Bonsucesso tomada pelos apaixonados pelo Homem da Meia-Noite
(Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)
Expectativa pela saída do Homem da Meia-Noite da sede (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)Multidão aguardou o Homem da Meia-Noite (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)

 



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: [email protected]

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.