Natal RN; Vereador entra na Justiça contra aumento da tarifa de ônibus em Natal



onibus

O vereador Sandro Pimentel (PSOL) entrou com um mandado de segurança na Justiça para que o reajuste da tarifa de ônibus que entrou em vigor nesta segunda-feira (20) seja suspenso. De acordo com o parlamentar, o reajuste é ilegal porque não houve discussão em audiência pública como prevê a lei municipal 0398/2014. A tarifa de ônibus em Natal passou de R$ 2,35 para R$ 2,65.

O G1 tentou falar com o procurador do município, Carlos Castim, mas ele não atendeu às ligações.

“A lei 0398 de 2014 estabelece que antes de decretar o reajuste de tarifas de serviços públicos, como é o caso da tarifa do transporte público, o Poder Executivo deverá realizar audiência pública para expor e debater os motivos técnicos que justifiquem o aumento. Isso não foi feito. Não foi realizada nenhuma audiência pública para debater esse reajuste”, disse o vereador.

De acordo com o texto da lei, “os aumentos decretados ou instituídos pelo Poder Público Municipal, por quaisquer meios e expedientes legais, que não cumpra os critérios desta Lei serão considerados nulos”.

Reajuste
O aumento foi definido durante reunião do Conselho Municipal de Transporte e Mobilidade Urbana na última sexta-feira (17). O reajuste foi publicado no Diário Oficial desta segunda (20).

O valor subiu de R$ 2,35 para R$ 2,65. A meia passagem passa a custar R$ 1,32 e a tarifa social – cobrada nos feriados – R$ 1,35. A tarifa da Linha Norte Fácil passa a custar R$ 1,90.

 



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: [email protected]

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.