NATAL RN- Secretaria de Educação cobra explicações para problemas com merendeiras


Assessoria de Imprensa
Secretaria Municipal de Educação se reuniu com representante da ServNews

A Secretaria Municipal de Educação (SME), através do secretário-adjunto de Gestão Pedagógica, Paulo Barra, e do diretor do Departamento de Recursos Humanos, Daniel Rendall, recebeu o diretor da ServNews, Claudio Pereira, para cobrar explicações para reclamações que estão recebendo das merendeiras e auxiliares de cozinha, que atuam na rede municipal de ensino, e informam sobre o não recebimento devido de salários, vale-transporte, vale-alimentação.

Sobre os relatos de que apenas alguns receberam os salários referentes a abril, e, ainda, assim com valores parciais, o empresário informou aos gestores que estava verificando os comprovantes dos depósitos bancários de cada funcionário para saber o que tinha acontecido, uma vez que todos que trabalharam efetivamente desde o dia 9 de abril têm que receber salários integrais, e que este problema seria resolvido no decorrer deste dia. “Só não deverão receber o salário todo, se não tiverem trabalhado todos os dias. Se trabalharam os 21 dias de abril, deveriam ter recebido pelo período”, garantiu.

Sobre os vales-transportes, em que os funcionários dizem não ter recebido o ressarcimento pelos dias que pagaram do próprio bolso para trabalhar e alguns reclamam o recebimento, agora, de recargas em cartões, mas com valores não condizentes com as necessidades para a locomoção para o trabalho, ele informou que o ressarcimento acontecerá nos próximos dias, e vai verificar o problema com os valores depositados nos cartões, caso a caso.

Já com relação ao vale-alimentação, disse que estava aguardando a chegada dos cartões Sodexo, mas que já tinham sido informados que aconteceria nesses dias. Com relação ao pagamento do salário do mês de maio, o representante da ServNews garantiu que pagará até a próxima semana.

LEMBRANDO

No dia 3 passado, Paulo recebeu representantes do Sindihoteleiros e uma comissão de merendeiras e auxiliares de cozinha. O secretário-adjunto esclareceu que a maioria das reclamações compete à Servnews, uma vez que há o compromisso diante da Delegacia Regional do Trabalho (DRT), no dia 23 de abril, de cumprimento desses pontos. Paulo Barra reforça que, como foi esclarecido na Audiência da DRT, os pagamentos da empresa a esses trabalhadores independem do contrato. Porém, observa que todos os trâmites foram concluídos e já foi encaminhado para registro no Tribunal de Contas do Estado.

Publicidade

NATAL RN- Secretaria de Educação cobra explicações para problemas com merendeiras
Avalie esta postagem



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *