NATAL RN – Delegado sobre serial killer: “Ele se altera na presença de mulheres


SERIAL

As provas colhidas por policiais reforçam a suspeita de que o vigilante Thiago Henrique Gomes da Rocha, 26 anos, preso na noite de terça-feira, é o responsável por 39 assassinatos que aterrorizaram Goiânia a partir do início do ano. Ao ser detido, ele vestia as mesmas roupas que usou nos crimes e estava com a mesma moto. Na casa dele, a polícia encontrou uma arma de fogo. O exame de balística das munições encontradas no corpo de seis das vítimas confirmou serem do revólver calibre .38 dele.

Thiago não se pronunciou durante a apresentação. O delegado Eduardo Prado conta que o suspeito é frio e se transforma na presença de mulheres. “É impressionante como ele fica transtornado. Ele franze a testa, muda o olhar. Com os agentes homens, ele conversa tranquilamente. Com as mulheres, não”, relata o delegado.

Desde janeiro, 14 vítimas do sexto feminino, de 13 a 35 anos, foram assassinadas em Goiânia em circunstâncias parecidas: com tiros disparados por motociclistas usando capacetes escuros. O primeiro crime ocorreu em 18 de janeiro, quando Bárbara Luiza Ribeiro Costa, de 14 anos, foi executada no Setor Lorena Park. A morte mais recente foi a de Ana Lídia Gomes, baleada em 2 de agosto. As mortes sequenciais fizeram as forças de segurança unirem esforços para chegar ao assassino.



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: [email protected]

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.