MACAÍBA RN-Intenso tiroteio é registrado em Macaíba na madrugada deste domingo (29)



Um intenso tiroteio foi registrado na madrugada deste domingo (29) em Macaíba. De acordo com informações de populares, guerra entre facções criminosas seria o motivo do tiroteio.

Ainda segundo informações, os disparos começaram por volta das 2h da madrugada, acordando de forma assustadora os moradores dos quatro cantos do centro da cidade. Ouviu-se os disparos que duraram mais de 30 minutos.

Uma residência foi atingida pelos tiros (como mostram as imagens acima). Várias cápsulas de munições foram encontradas em ruas da cidade.

Fotos:  redes sociais/Reprodução 

O Reino Unido está prestes a se tornar o primeiro país ocidental a aprovar uma vacina para a covid-19. De acordo com o jornal Financial Times, a vacina desenvolvida pela empresa de biotecnologia alemã BioNTech em parceria com a farmacêutica Pfizer deve receber a aprovação da agência regulatória do país nos próximos dias. O governo britânico afirmou que a distribuição do imunizante deve começar horas após a sua liberação, as primeiras injeções podem ocorrer já no dia 7 de dezembro.

O Reino Unido encomendou 40 milhões de doses do produto de duas doses. Na segunda-feira (23), a BioNTech e a Pfizer anunciaram que a sua vacina para o coronavírus apresentou mais de 95% de eficácia na prevenção da doença entre os voluntários.

As vacinas seriam normalmente autorizadas pela Agência Europeia de Medicamentos até o final da transição Brexit, em 31 de dezembro. No entanto, a Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde do Reino Unido tem o poder de autorizar temporariamente os produtos, em casos de necessidade pública urgente.

O mesmo processo poderia ser aplicado à vacina desenvolvida pela AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. Na sexta-feira (27), o governo escreveu ao regulador, pedindo que revisse a vacina AstraZeneca-Oxford. A Rússia aprov



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.