Justiça determina saída de grevistas que acampam em frente à Prefeitura do Natal


144237

A Justiça determinou a imediata desobstrução das ruas e calçadas em frente à Prefeitura do Natal, ocupada por servidores municipais que estão em greve. A decisão, assinada pela juíza Francimar Dias Araújo da Silva, da 2ª Vara da Fazenda Pública, proibiu também atos de manifestação que impliquem no bloqueio de vias públicas ou calçadas em Natal. A desocupação vai ocorrer ainda hoje (12).

Ainda na decisão, a juíza determinou que o estado promova “todas as providências administrativas acautelatórias e repressivas, se necessário for, para garantir o fluxo regular de pessoas e automóveis”, fixando multa de R$ 200 mil para cada sindicato e R$ 20 mil para cada pessoa que descumprir a determinação judicial.

O procurador-geral do Município, Carlos Castim, vai encaminhar à Secretaria Estadual de Segurança Pública a liminar da Justiça para que seja procedida a desocupação do entorno da Prefeitura do Natal ainda hoje. 

Os servidores da saúde de Natal estão acampados desde o dia 2 de junho e diziam que só deixariam o local em caso de atendimento às reivindicações da categoria por parte da Prefeitura.



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: [email protected]

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *