ITAJÁ-ASSU-IPANGUASSU-RN-MINISTÉRIO PÚBLICO ELEITORAL PEDIU A CASSAÇÃO DO PREFEITO DE ITAJÁ, LICÉLIO JACKSON GUIMARÃES, PORCOMPRA DE VOTOS NAS ELEIÇÕES DE 2012.


prin_8012_0000017210_thumb

Os vereadores de oposição ao prefeito do município de Itajá,Francisco Neto da Silva (DEM), conhecido como Neto de João Silva, Francisca das Chagas Rodrigues Ferreira (PMN), Carlos Marcondes Matias Lopes (DEM), Geraldo Valentim dos Santos (SDD) e o suplente de vereador Eguilar Ferreira da Silva (PR) são os autores da denúncia que investiga a compra de votos em Itajá nas eleições de 2012.

 

 

 

A população de Itajá acompanha através do site do TRE e pelas redes sociais – blogs, facebook e o yutube as movimentações e o desfecho do processo eleitoral que investiga o esquema de compra de votos feitopelo atual prefeito LICÉLIO JACKSOM GUIMARÃES (PSB) e do vereador MAX BLÊNIO DE MEDEIROS.

 

 

 

O processo que contém aproximadamente 1.000 páginas está repletodeprovastestemunhais – depoimentos das testemunhas arroladas no processo emateriais –listas de eleitores beneficiados com bens ou serviços;pagamentos à cabos eleitorais; além dos vídeos que mostram a distribuição de Cesta Básicas à eleitores uniformizados de vermelho no dia seguinte a eleição;relato do esquema de compra de votos feito antes daeleição;prisão em flagrante no dia da eleição do cabo eleitoral do prefeito, Marcelo Vargas, que sempre esteve presente nas mobilizações.

 

 

 

Também consta no processo a gravação de áudio da entrevista deLicélio, à Rádio Princesa do Vale,logo após as eleições. Na ocasião, Licélio Jackson Guimarães  descreveu com riqueza de detalhes, ao apresentador do Programa Panorama do Vale,como fez sua campanha e o trabalho de visitas aos eleitores que residem na cidade de Itajá, os que moram em outras cidades do vale do Assu e até mesmo em outros estados. Licéliodeu ênfase principalmente a sua estratégia de “Boca de Urna”.Durante a entrevistao apresentador perguntou a Licélio: (…) “- Quando você sentiu que ganhou a eleição?“ ao que ele respondeu: “ – Eu senti que ganhei a eleição quando deu dez horas da manhã… – só que eu senti a onde eu estava, tava ganho a eleição pra mim… porque fica duas entradas né, fica dois colégio e eu fiquei por trás do meu adversário… – todo mundo que passou falava com ele e depois três metro afastado de mim…- todo mundo que passava por mim…isso ocorreu noportão da escola, e Licélio dizia: … dê uma ajuda ao doidinho  o doidinho não meche com ninguém o pessoal começaram aquele negócio aquela graça ta ta dê uma ajuda ao doido, o doido não meche com ninguém eu tô precisando de uma ajuda sua…

 

 

 

Agora, o referido processo está conclusoà Juíza Aline Daniele Belém Cordeiro Lucas da 29ª Zona Eleitoral desde o dia05.12.2013para sentença.

 

 

 

Na íntegra a sentença do Ministério Público:

 

Postado por JUSCELINO FRANÇA à

 

ITAJÁ-ASSU-IPANGUASSU-RN-MINISTÉRIO PÚBLICO ELEITORAL PEDIU A CASSAÇÃO DO PREFEITO DE ITAJÁ, LICÉLIO JACKSON GUIMARÃES, PORCOMPRA DE VOTOS NAS ELEIÇÕES DE 2012.
Avalie esta postagem



Loading...

Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: levanyjunior@blogdolevanyjunior.com

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *