Guardas não retomam atividades e fazem protesto na Rio Branco


144357

O Sindicato dos Servidores da Guarda Municipal (Sindguardas) não vão retomar as atividades, apesar da decisão judicial emitida pelo desembargador Francisco Saraiva Dantas Sobrinho nessa segunda-feira (9), que indica a ilegalidade das greves. O Sindguardas alega não ter sido notificado da decisão do Tribunal de Justiça.

Os servidores do Sindguardas se reuniram em assembleia no Palácio Felipe Camarão, sede da Prefeitura de Natal, na rua Ulisses Caldas, e decidiram iniciar um protesto saindo da praça André de Albuquerque, seguindo pela rua Ulisses Caldas e avenida Rio Branco, com o objetivo de fechar o trânsito nas vias. Na tarde de ontem, já houve uma manifestação por parte do sindicato, no bairro do Tirol. Por volta das 16h, o grupo realizou caminhada em torno de quatro ruas que cercam o shopping Midway Mall e deixou o trânsito lento. 

Os Guardas Municipais iniciaram a greve na última quinta-feira (5), com menos de 48h de trabalho do novo secretário municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes), Paulo César Ferreira. A categoria reivindica, entre outros pontos, o encaminhamento do Plano de Cargos, Carreiras e Salários à Câmara Municipal para votação, cumprimento do Estatuto da Guarda Municipal e condições de segurança no trabalho, com novos coletes e armamento. 



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: levanyjunior@blogdolevanyjunior.com

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *