A eleição para o cargo do poder Executivo do município de Guamaré se encaminha para ter um final, ou um segundo ato. Desde que foi pedido o registro dos então candidatos, ao cargo de prefeito do município de Guamaré para as eleições de 2016, a Justiça Eleitoral só concedeu a um candidato, indeferindo dois pedidos.

Loading...

A Justiça Eleitoral concedeu registro ao ex-prefeito Mozaniel de Melo, indeferindo os pedidos de Helio Miranda que concorria à reeleição e do empresário Helder de Oliveira. No caso de Helio Miranda, a Juíza da 30ª Zona Eleitoral entendeu como um terceiro mandato familiar, indeferindo o pedido. Helio Miranda recorreu a 2ª Instancia onde também foi negado o registro.

Foto reprodução redes sociais – Diplomação de Helio e Iracema no cartorio de Touros/RN

Helio Miranda estar interinamente no cargo, uma vez que no pleito concorreu com registro indeferido, obtendo maior número de votos, que foram validados devido liminar concedida pelo Ministro Napoleão do TSE.

Nesta quinta-feira (27) a liminar irar para o plenário do corte em Brasília, onde os sete ministros decidirão os destinos no município de Guamaré, que tem cerca de 14 mil habitantes segundo IBGE. O Blog ouviu a opinião de advogados, e segundo eles, tudo leva a crer, que o pedido de registro do prefeito interino de Guamaré Helio Miranda, será negado pela 3ª Instância, e convocando uma nova eleição.

Foto reprodução – Ex-prefeito Mozaniel de Melo

Foto reprodução – Diplomação do ex-prefeito Auricelio Texeira em 2009

Um fato curioso nos chamou atenção, “será destino ou coincidência…” Em 27 de Abril de 2009, o TSE cassava a liminar do então prefeito Mozaniel Rodrigues, assumindo a prefeitura de Guamaré o 2º colocado Auricelio Teixeira. Será que teremos o segundo ato das eleições de 2016? Vamos esperar para conferir.

Fotos: Acervo/Internet

Publicidade