FOTOS IMAGENS-Polícia cumpre ordens judiciais contra grupo que falsificava assinaturas de delegados para retirar carros de depósitos no RS



Operação prendeu, em dezembro, um homem suspeito de ser o mentor do esquema — Foto: Divulgação/Polícia CivilOperação prendeu, em dezembro, um homem suspeito de ser o mentor do esquema — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Operação prendeu, em dezembro, um homem suspeito de ser o mentor do esquema — Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul, por meio da Delegacia de Repressão aos Crimes de Lavagem de Dinheiro, cumpriu seis ordens judiciais ao longo desta segunda-feira (10) contra um grupo suspeito de falsificar a assinatura de delegados para retirar carros de depósitos do Detran em 2019.

A ação faz parte da Operação Impostores que teve como objetivo bloquear bens de quatro indiciados. Em dezembro do ano passado, um integrante do grupo já tinha sido preso.

Nesta etapa da operação, o grupo recebeu o indiciamento pelos crimes de estelionato, uso de documento falso, receptação e associação criminosa.

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Veja também

Bom Dia Brasil

Rio Tietê transborda e invade ruas em Salto, interior de São Paulo

O interior de São Paulo foi fortemente atingido pelas chuvas. Em Salto, a situação ainda é muito difícil na manhã desta terça-feira (11). A Defesa Civil está monitorando todo o trecho do Rio Tietê e já avisou famílias que vivem às margens para que deixem as casas.

11 de fev de 2020 às 08:10

PróximoHomem que estava em caminhão, em Botucatu (SP), está desaparecido

Mais do G1



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.