FOTOS IMAGENS-PF apreende 91 cápsulas de cocaína engolidas por angolano preso após convulsão em voo


O angolano de 43 anos, preso no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre, na Zona Sul da capital pernambucana, expeliu 91 cápsulas de cocaína que havia engolido para fazer o transporte da droga, segundo a Polícia Federal. Ao todo, foram cerca de 910 gramas do entorpecente. O estrangeiro estava em um voo que ia de Guarulhos, na Grande São Paulo, para Lisboa, em Portugal.

Em depoimento, ele contou que morava, há 10 anos, em Bruxelas, na Bélgica. Ele alegou que um amigo ofereceu cerca de U$ 5 mil para que ele fosse a São Paulo, buscasse o entorpecente e retornasse para a Europa. As passagens teriam sido compradas pelos integrantes da quadrilha.

O angolano afirmou, durante o interrogatório, que tentou construir uma escola em Luanda, mas que não deu certo, pois as pessoas não tinham condições de pagar as mensalidades. Com isso, ele ficou devendo cerca de U$ 1.700 aos professores e teria aceitado a proposta para quitar essa dívida.

Aeroporto Internacional do Recife — Foto: Reprodução/TV GloboAeroporto Internacional do Recife — Foto: Reprodução/TV Globo

Aeroporto Internacional do Recife — Foto: Reprodução/TV Globo

Parada no Recife

O avião precisou pousar em solo pernambucano após o homem ter uma convulsão, no dia 4 de fevereiro. Ao desembarcar na capital pernambucana, ele acabou confessando aos policiais federais que havia ingerido cápsulas de cocaína. Ele passou oito dias internado no Hospital Getúlio Vargas, no Cordeiro, Zona Oeste do Recife.

A PF informou que o angolano tomou laxante para expelir as cápsulas de cocaína. Após receber alta, na terça-feira (11), ele foi levado para a Superintendência da Polícia Federal, no Cais do Apolo, no centro da capital pernambucana, onde foi autuado por tráfico internacional de entorpecentes. A pena pode chegar a 20 anos de reclusão.

Em audiência de custódia, o homem teve a prisão preventiva decretada e foi encaminhado Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), que fica em Abreu e Lima, no Grande Recife.

Angolano ficou internado no Hospital Getúlio Vargas, localizado no bairro do Cordeiro, no Recife — Foto: Arquivo/G1Angolano ficou internado no Hospital Getúlio Vargas, localizado no bairro do Cordeiro, no Recife — Foto: Arquivo/G1

Angolano ficou internado no Hospital Getúlio Vargas, localizado no bairro do Cordeiro, no Recife — Foto: Arquivo/G1

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Veja também



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.