FOTOS IMAGENS-momento em que parte da fachada de prédio na Zona Sul do Rio cai sobre jovem


sobre jovem

Larissa e a amiga se aproximam da grade do prédio
Larissa e a amiga se aproximam da grade do prédio Foto: Reprodução de vídeo
Carolina Heringer
Tamanho do textoA A A

Um vídeo obtido com exclusividade pelo EXTRA mostra o momento em que a estudante de Engenharia Larissa Spezani Resende, de 20 anos, é atingida pela fachada de um prédio na Rua João Lira, no Leblon, na Zona Sul do Rio. O episódio ocorreu no último dia 6, quarta-feira de cinzas. Desde então, a jovem está internada num hospital particular na Barra da Tijuca, na Zona Oeste. Larissa está em estado grave, mas vem apresentando melhora e deixou recentemente a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

00:00/00:44

Nas imagens, é possível ver o momento em que Larissa e uma amiga se aproximam da grade do edifício e ficam paradas no local. Vinte segundos depois, às 18h37, a fachada do prédio desaba. A amiga da estudante percebe e consegue correr, mas a jovem acaba sendo atingida por placas de granito. Logo que a fachada cai, várias pessoas se aproximam para ajudar e um homem retira uma placa que caiu sobre o corpo da jovem.

Larissa é socorrida pelos Bombeiros 17 minutos após o acidente. A rua estava cheia por causa da passagem de um bloco de carnaval. A pedido da família da vítima, o EXTRA não divulgará as imagens do momento exato em que estudante foi atingida.

Larissa foi atingida no dia deste mês
Larissa foi atingida no dia deste mês Foto: Reprodução

Na tarde deste sábado, a irmã de Larissa, Laís Spezani, fez uma postagem no Instagram da jovem dando notícias sobre seu estado de saúde. No texto, ela afirma que a irmã saiu da UTI, mas está em coma vigil na unidade semi-intensiva. Segundo a irmã, a estudante abre os olhos e se mexe, mas permanece inconsciente. “Claro que em alguns momentos estamos percebendo algumas respostas: através do olhar, da escuta, chegando a se emocionar. Ela, às vezes, responde com os olhos. A gente acha que ela possui alguns momentos de consciência, como se fossem picos, porém essa é a nossa opinião como família”, escreveu.

Laís também relata que a irmã está avançando bastante na fisioterapia, mexe braços e pernas e já começou a mexer o pescoço. “Ela responde a estímulos como sons, dor e temperatura. Isso já é uma grande vitória!”, escreveu. Laís ressalta que ainda é uma incógnita se Larissa ficará com sequelas. A estudante já passou por três cirurgias.

Irmã de Larissa faz postagem sobre seu estado de saúde
Irmã de Larissa faz postagem sobre seu estado de saúde Foto: Reprodução

O prédio cuja fachada despencou em Larissa foi construído em 1982 e comunicou a autovistoria pela última vez em abril de 2014, onde consta que está no que é considerado adequado pela Prefeitura do Rio. Após a queda, o portão de entrada ficou parcialmente destruído pelos destroços. A autovistoria atual tem validade até 17 de abril deste ano. O caso está sendo investigado pela 14ª DP (Leblon). Procurada pelo EXTRA, a delegacia afirmou apenas que as investigações continuam em andamento.

A estudante segue internada em hospital particular
A estudante segue internada em hospital particular Foto: Reprodução



Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.