FOTOS IMAGENS-Manicure decapitada em RR por integrantes de facção criminosa sabia que ia morrer: ‘deixou carta’, afirma delegado



Polícia Civil suspeita que manicure foi morta por ter envolvimento com duas facções rivais (Foto: Reprodução/Facebook/Platinada W Silva Souza)Polícia Civil suspeita que manicure foi morta por ter envolvimento com duas facções rivais (Foto: Reprodução/Facebook/Platinada W Silva Souza)

Polícia Civil suspeita que manicure foi morta por ter envolvimento com duas facções rivais (Foto: Reprodução/Facebook/Platinada W Silva Souza)

A Delegacia Geral de Homicídios ouviu familiares acerca da morte da manicure Sandra Valéria Santos, de 29 anos, que foi decapitada por possíveis integrantes de uma facção criminosa.

Ela foi levada por três suspeitos no dia 28 de agosto dentro de um táxi no bairro Silvio Botelho, zona Oeste de Boa Vista. O corpo foi encontrado nesta quinta-feira (31).

Ao G1, o delegado responsável pelo caso, Cristiano Camapum, disse nesta sexta-feira (1º) que a vítima sabia que iria morrer. Ele conta que Valéria foi ameaçada por integrantes de uma organização criminosa que atua dentro e fora dos presídios de Roraima.

“Ela deixou uma carta para a família descrevendo que, caso morresse, era para cuidarem da filha dela. Sabia que ia morrer. Foi decapitada. O laudo pericial ainda confirmará se é o corpo de Valéria mesmo. Mas familiares já a reconheceram”, diz.

Ainda de acordo com o delegado, Valéria mantinha contato com pessoas que pertencem a duas organizações criminosas.

“Ela foi avisada que ia ser morta. Essa relação dela [com integrantes das duas facções] foi o que causou a morte dela”, afirma.

A linha de investigação, conforme Camapum, é ouvir pessoas com quem ela se relacionava. “Vamos investigar todos que ela tinha contato.”, revela.

MAIS DO G1



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: [email protected]

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.