FOTOS IMAGENS FORTES – Especialistas americanos fazem nova vistoria no local do acidente


10561806_746930995365545_2641849698094037971_n-300x15612

18/08/2014 10h22 – Atualizado em 18/08/2014 10h27

Especialistas americanos fazem nova vistoria no local do acidente

Eles voltaram ao bairro Boqueirão, neste domingo (17).
Segundo eles, investigação sobre a queda do avião pode levar até um ano.

Do G1 Santos

Técnicos americanos chegaram ao local do acidente no sábado (16) (Foto: Orion Pires/G1)Técnicos americanos chegaram no Brasil no
sábado (16) (Foto: Orion Pires/G1)

Especialistas da Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos e técnicos da fabricante do avião que caiu e matou o candidato à presidência da República, Eduardo Campos (PSB), e mais seis pessoas, em Santos, no litoral de São Paulo, estiveram novamente no local do acidente neste domingo (17).

Os técnicos chegaram ao Brasil no sábado (16), quando fizeram a primeira vistoria da área da queda do avião. Após entrarem em alguns imóveis, eles informaram que as investigações sobre o que causou a tragédia podem levar até um ano.

Segundo a doméstica Cleide Aparecida Lopes Martins, que encontrou com os americanos no momento da visita, eles não fizeram nenhuma pergunta e apenas observaram a situação do local. “Vistoriaram e já foram embora. Ninguém perguntou nada. Só mostrei o estado da casa”, disse.

Arte acidente Campos 14.8.2014 - 13h (Foto: Arte/G1)

O caso
A queda do avião ocorreu por volta das 10h, nesta quarta, em um bairro residencial de Santos, no litoral paulista. O candidato tinha uma agenda de campanha em Santos. Chovia no momento do acidente.

A Aeronáutica informou em nota que o avião decolou do aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao aeroporto de Guarujá, também no litoral. “Quando se preparava para pouso, o avião arremeteu devido ao mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com a aeronave”, informou.

Além de Campos, outras seis pessoas estavam na aeronave.

Veja a lista:
– Eduardo Campos, candidado à presidência
– Alexandre Severo Silva, fotógrafo
– Carlos Augusto Leal Filho (Percol), assessor
– Geraldo Magela Barbosa da Cunha, piloto
– Marcos Martins, piloto
– Pedro Valadares Neto
– Marcelo de Oliveira Lyra

Seis vítimas do acidente moravam na área onde caiu o avião foram para a Santa Casa de Santos, entre elas duas crianças, duas mulheres e uma idosa. Segundo o hospital, todas passam bem.

A Polícia Federal enviou seis peritos para Santos a fim de trabalhar na apuração da causa do acidente. Aeronáutica e Polícia Civil também vão investigar.

Em Santos, Marina Silva, candidata à vice-presidência na chapa de Campos, disse que a tragédia impõe luto e profunda tristeza. “Durante esses dez meses de convivência aprendi a respeitá-lo, admirá-lo e a confiar nas suas atitudes e nos seus ideais de vida. Eduardo estava empenhado com esses ideais até os útlimos segundos de sua vida.”

A presidente Dilma Rousseff decretou luto oficial de três dias. “Estivemos juntos, pela última vez, no enterro do nosso querido Ariano Suassuna. Conversamos como amigos. Sempre tivemos claro que nossas eventuais divergências políticas sempre seriam menores que o respeito mútuo característico de nossa convivência”, afirmou a presidente em nota oficial.

Veja a repercussão completa sobre a morte de Campos no Brasil e no mundo.

Os principais adversários de Campos na campanha eleitoral, Dilma e Aécio Neves (PSDB), cancelaram os compromissos de campanha.

Todos os comitês de Dilma suspenderam as atividades após a confirmação da morte. “Estou absolutamente perplexo”, afirmou Aécio Neves no Rio Grande do Norte.

Caixa Preta
A Força Aérea Brasileira (FAB), responsável pela investigação do acidente aéreo afirmou que já foram extraídas e analisadas por quatro técnicos do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) as duas horas de áudio da caixa-preta do jato que conduzia o ex-governador pernambucano para o litoral paulista. Entretanto, segundo a própria FAB, a gravação da caixa-preta do avião com prefixo PR-AFA não é do voo de Campos e sim de um outro voo realizado dias antes.

Em nota, a Força Aérea afirmou que, até o momento, não é possível determinar a data dos diálogos registrados na caixa-preta encontrada em Santos, em razão de o equipamento não arquivar esse tipo de informação.

Mapeamento 3D
Após o acidente ter ocorrido, a Polícia Federal começou nesta sexta-feira (15) a escanear a área atingida pelo acidente aéreo que matou o candidato à Presidência da República, Eduardo Campos (PSB), e mais seis pessoas. As imagens foram registradas com a utilização de um drone, veículo aéreo com câmera não tripulado.

O mapeamento 3D foi feito a partir das primeiras fotos e vídeos que foram colhidos pelos peritos, com o objetivo de realizar uma possível reconstituição do que aconteceu minutos antes da queda do jato particular. Com o material coletado, a expectativa é que a Polícia Federal consiga entender e até percorrer com o equipamento o trajeto feito pela aeronave.

Cronologia Eduardo Campos - vale este (Foto: Arte/G1)

Olá queridos leitores. É com profundo pesar que lhes trago esta matéria. Com contribuições deManuela AlvarengaTiago (Thor) Lira e Luiz Carlos (Mazza, que manda um abraço pra toda a galera), esses dois últimos, ex autores do IÉB.

Eduardo Campos - Foto Aluisio MoreiraSEI-749572O candidato do PSB à Presidência, Eduardo Campos, morreu na manhã desta quarta-feira em um acidente aéreo em Santos (SP). O jato em que estava o político caiu no bairro do Boqueirão. Não houve sobreviventes. Ao contrário do informado antes pelo PSB, a mulher do candidato, Renata, e o filho Miguelnão estavam na aeronave. Segundo a Polícia Federal, estavam no avião, além de Campos, o assessor Pedro Valadares Neto, o assessor de imprensa Carlos Augusto Leal Filho (Percol),Alexandre Gomes e Silva (fotógrafo), Marcelo Lyra(staff da campanha) e os pilotos Marcos Martins eGeraldo Cunha. O acidente que matou o presidenciável aconteceu no mesmo dia da morte do avô dele Miguel Arraes, que falaceu dia 13 de agosto de 2005.

Comando da Aeronáutica informou, por nota, que o avião, modelo Cessna 560XL Citation Excel, prefixo PR-AFA, caiu às 10h. “A aeronave decolou do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao aeroporto de Guarujá (SP). Quando se preparava para pouso, o avião arremeteu devido ao mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com a aeronave”, diz nota da Aeronáutica.

2014081393214

Campos iria para um evento na cidade de Santos chamado SantosExport. A aeronave (aparelho Cessna Citation 560XL, prefixo PR-AFA) pertencia à empresa AF Andrade Empreendimentos e Participações Ltda., e já havia sido utilizada pelo candidato outra vez. Segundo relatório daAgência Nacional de Aviação Civil (Anac), a manutenção anual do avião estava em dia, com validade até 14 de fevereiro de 2015. O avião foi inspecionado em fevereiro deste ano.

A ministra Ana Arraes soube da morte do filho em seu gabinete no Tribunal de Contas da União (TCU). Ela chegou a passar mal e precisou ser atendida pelo serviço médico. Ela já embarcou para Recife em avião da Força Aérea Brasileira (FAB) para ficar com a família.

A Santa Casa de Santos atendeu seis feridos do acidente. Uma pessoa já recebeu alta. Outras cinco vítimas permanecem internadas, com ferimentos leves. Duas são crianças, de 1 ano e 9 anos. As outras três feridas são mulheres – uma é idosa. Segundo a Santa Casa de Santos, os feridos devem permanecer internados, em observação, por 24 horas.

O bairro do Boqueirão, onde ocorreu a queda, é bastante movimentado. Testemunhas relatam que ouviram barulho de uma explosão. O quarteirão foi isolado pela Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e equipes de resgate. Com o estrondo na hora da queda, vidraças de lojas quebraram-se.

mapa-acidente-4

Moradores relatam que a aeronave desviou de um prédio de oito andares antes de cair em um terreno vazio, atrás de uma academia. O avião já havia passado em uma altura baixa pelo centro e estava seguindo em direção à praia.

 Um amigo que trabalha no centro viu esse avião andando baixinho. Quando chegou aqui, ele chegou a desviar de um prédio. Acho que o piloto viu que tinha um clarão aqui perto e por isso caiu aqui – disse o jornaleiro Fernando Estriga, de 53 anos.

De acordo com o Climatempo com dados da base aérea do Guarujá, a chuva e a formação de névoa restringiram a visibilidade horizontal no aeroporto, que registrou visibilidade de 3 mil metros, no horário do acidente com a aeronave.

acidente3

santos2

gT8JU9B

ukWbLKO

santos3

foto-geraldosilva239

acidente2

acidente4

acidente

10596175_342416945909463_1696510656_n

1

2

3

4

5

XSM6eLP

10595958_342416919242799_1805405762_n

GgnB5lA

10542882_667307200019209_3706320271256258380_n

O leitor João Vitor Brückner (Muitíííííssimo obrigado, cara! De verdade) me marcou no vídeo abaixo, que está disponível na Página Jogos Mortais +18 no Facebook:

Usuário Android, iOS ou Windows Phone clique AQUI.

Esse vídeo, me foi enviado pelo leitor Clébson Pepssi, (Muito obrigado, cara. Mesmo! Brigadão!) via Facebook:

Usuário Android, iOS ou Windows Phone clique AQUI.

Não há confirmação de que as fotos/imagens dos vídeos acima sejam do próprio Eduardo Campos (o que é improvável por seus restos mortais só terem sido preliminarmente identificados às 5 da manhã de hoje, 14/08/2014). Surgiu uma foto (abaixo) onde diziam ser do corpo dele, mas em pesquisa reversa, constamos que a foto é na verdade de um acidente ocorrido em 2012.



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: [email protected]

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.