Carnaubais RN; Bispo de igreja que acolhe comunidade LGBT é alvo de atentado em Fortaleza


O bispo da Igreja Apostólica Anjos da Luz, de Fortaleza, Alan Luz, foi alvo de um atentado na noite desta quarta-feira, no bairro Jardim América, na capital cearense. Depois que saía de uma emissora de rádio onde apresenta um programa, Alan foi abordado por dois homens armados, que atiraram contra o seu carro. A polícia investiga o caso como tentativa de homicídio e crime de ódio.
A igreja de Alan é conhecida por acolher um grande número de fiéis da comunidade LGBT. O bispo conta que, por seu trabalho com homossexuais, já recebeu uma série de ameaças e acredita que o ataque tenha ligação com isso.
— Durante nossa história, recebemos algumas ameaças e agressões. Já recebi mensagens dizendo que iam nos calar, que éramos aberrações, que era melhor ficar calado porque nossa igreja não é de Deus, que jogar uma bomba em nossa porta. Acredito que era uma pessoa que já me observava há tempos, porque já recebi ameaças falando que sabiam dos meus passos, da hora que eu saía. Tenho sempre a mesma rotina então acredito que tenha sido isso — explica Alan.

O ataque aconteceu por volta de meia noite. Alan estava acompanhado de uma pastora que também não se feriu após o atentado. As balas atingiram o interior do veículo, mas o religioso conseguiu escapar e fugir com o carro até uma delegacia.
— Era a dez ou doze quadras da rádio onde apresento um programa às quartas-feiras. Eles não falaram nada, não anunciaram assalto, nada. Desceram do carro já com arma e dispararam contra a gente. Conseguimos arrancar com o carro e eles tentaram ainda perseguir por um trecho. Consegui fugir e fui à delegacia registrar ocorrência.
Carro do pastor foi atingido por tiros, mas ele conseguiu escapar
Carro do pastor foi atingido por tiros, mas ele conseguiu escapar Foto: Reprodução / Facebook
O caso foi registrado na delegacia do bairro, que investiga o caso. De acordo com a Polícia Civil, ainda não há suspeitos identificados. Abalado com o atentado, Alan explicou o trabalho da Igreja Apostólica Anjos da Luz, que há três anos acolhe pessoas que não são aceitas em outras casas religiosas. O bispo ainda usou sua conta no Facebook para publicar um vídeo relatando sobre o atentado e desabafar.
— A nossa igreja existe há três anos e eu trabalho com movimentos inclusivos da comunidade LGBT há oito anos. Somos uma igreja cristã, que tem a Bíblia como orientação normativa, como qualquer outra. Temos os mesmos louvores, as mesmas imagens. A única diferença é que não descriminamos, acolhemos tanto homoafetivos, quanto heteroafetivos. A maioria é de homoafetivos pelo fato de as outras igrejas não os aceitarem.

Carro do pastor foi atingido por tiros, mas ele conseguiu escaparCarro do pastor foi atingido por tiros, mas ele conseguiu escapar

 
alan



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: [email protected]

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.