ASSU RN-Graciliano Ramos e os escritores no Partido Comunista


graciliano-ramos-05

Hoje, quero fazer uma ligação entre o dia dos professores, que se deu em 15 de outubro, e Graciliano Ramos. Espero que a relação não seja forçada. E explico por quê.

Sempre me pareceu haver um vínculo profundo e necessário entre a arte de escrever e a educação, na medida em que a criação literária é uma alargadora de consciências, uma pedagogia de revelar, descobrir o mundo humano para todas as pessoas. Daí que os bons e ótimos escritores são também educadores. Mas de um modo diferente, sem didática ou grade curricular. Isto é, quem narra um romance, um conto, conta uma vida, com fatos selecionados e organizados, que terminam por ser uma lição inesquecível.

A outra razão de falar do mestre Graciliano Ramos é o seu lugar especial na literatura brasileira, porque ele é ao mesmo tempo um clássico e um escritor comunista. Um homem de honestidade radical, que viveu conflitos dentro do partido além das circunstâncias passageiras, porque estavam no cerne da estética literária e do pensamento socialista.  Do livro Garranchos, que trouxe à luz textos inéditos dele, retiro os trechos a seguir:

“… A comissão procedeu ao balanço crítico e autocrítico das atividades da base e da de seus membros. E verificamos que, de um lado e de outro, o resultado é negativo. Nada realizamos de útil, nós, os escritores de ficção, dentro de nossa especialidade, desde que nos filiamos ao Partido; nada de útil realizou nossa base”.

LEIA MAIS »

Select rating
Nota 1
Nota 2
Nota 3
Nota 4
Nota 5

ASSU RN-Graciliano Ramos e os escritores no Partido Comunista
Avalie esta postagem



Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: levanyjunior@blogdolevanyjunior.com

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *