Acrobata fica ferido após cair de altura de 8 metros durante espetáculo


circo_tihany_apresentacao

Um acrobata ficou gravemente ferido em um acidente durante uma apresentação no circo Tihany, no domingo (18), em Londrina, no norte doParaná. Segundo os responsáveis pelo circo, Wilson Gomes caiu de uma altura de aproximadamente oito metros, enquanto fazia um número com outros acrobatas.

Ainda de acordo com a direção do circo, Gomes foi socorrido imediatamente por uma equipe de paramédicos do próprio circo, e encaminhado ao Hospital Evangélico. De acordo com o hospital, o rapaz de 28 anos sofreu traumatismo craniano e está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em estado grave.

Ainda de acordo com o circo, Gomes apresentava um número com uma espécie de balanço que lança os acrobatas ao ar para caírem em tecidos, que resguardam a queda dos artistas. Segundo testemunhas, o acrobata bateu em uma estrutura de iluminação e caiu fora dos aparatos que seguram os artistas.

O circo informou ainda que segue todas as normas de segurança do trabalho para este tipo de atividade e que mantém uma ambulância perto do palco para prestar socorro rápido em casos de acidente. O médico Felipe Guanaes estava assistindo ao espetáculo e ajudou nos primeiros atendimentos ao acrobata após a queda. Ele explica que Wilson Gomes estava inconsciente quando caiu. “Fizemos as manobras iniciais, junto com a equipe de bombeiros do circo. Enquanto ele era levado para a ambulância, chegou a retomar a consciência, mas estava bastante confuso. A gente já desconfiou ali que seria algo mais grave”, diz o médico.

O diretor-executivo da Companhia Tihany, Richard Massone, considerou o acidente como uma fatlidade (Foto: Vanessa Navarro/RPC TV Londrina)O diretor-executivo da Companhia Tihany, Richard Massone,
considerou o acidente como uma fatlidade (Foto: Vanessa
Navarro/RPC TV Londrina)

O diretor-executivo da Companhia Tihany, Richard Massone, considerou o acidente como uma fatalidade. “Foi um erro humano, um erro de cálculo na hora do salto. Ele nunca errou o tempo. Não sei se foi por falta de atenção, de concentração, ele soltou a mão no tempo errado. O primeiro salto foi perfeito, mas no segundo salto ele saiu de outra maneira, de forma vertical, e caiu sem chances de alcançar a rede e os colchões de proteção.”, explica Massone, em entrevista coletiva.

De acordo com o diretor, o número é realizado há 22 anos e nesse período não foram registrados acidentes. “Nunca aconteceu absolutamente nada. Não é um número novo, uma experiência que estamos fazendo em Londrina. É algo seguro. Existe sim um risco, por parte do acrobata, inerente a profissão. Porém, toda a segurança necessária é oferecida”, afirma Massone.

O acrobata Wilson Gomes faz parte do circo desde outubro de 2013, e foi contratado pela Escola Nacional de Circo, do Rio de Janeiro. “Não sabemos o motivo disso ter acontecido. Estamos torcendo para ele melhorar. É um acidente que deixa desconcertados a todos que fazem parte da familia do Tihany.”, disse.

Toda a assistência está sendo oferecida à família e à vítima, afirma a direção do circo. A família de Wilson Gomes é do Rio de Janeiro e está vindo para o Paraná para acompanhá-lo.

Mesmo com o acidente, as apresentações do circo Tihany seguirão normalmente em Londrina. O circo está na cidade desde o dia 9 de maio.

saiba mais
Acrobata fica ferido após cair de altura de 8 metros durante espetáculo
Avalie esta postagem



Loading...

Levany Júnior

Levany Júnior é Advogado e diretor do Blog do Levany Júnior. Blog aborda notícias principalmente de todo estado do Rio Grande do Norte, grande Natal, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Assú, Mossoró e todo interior do RN. E-mail: levanyjunior@blogdolevanyjunior.com

Comentários com Facebook




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *